Com o Nida, Jonathan quer repetir a conquista de 2011


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 23/07/2022 11:00

Esportes   AMOR AO CLUBE

Na noite fria do dia 10 de julho de 2011, no Estádio das Castanheiras, em Farroupilha, o torcedor avenidense Jonathan Emmel Voges, na época com 28 anos, não escondia o nervosismo em acompanhar a última rodada do quadrangular final da Segunda Divisão Gaúcha de 2011, que naquele ano classificaria apenas dois clubes de 28 inicialmente na disputa.

Naquele domingo, o Avenida chegava em Farroupilha podendo até empatar para subir, pois o Cerâmica já havia garantido o acesso um dia antes, após empatar com o Juventus de Santa Rosa por 1 a 1 e chegar aos 11 pontos. O resultado fez o Avenida sonhar com o título, pois chegava na última rodada com 8 pontos, seguido pelo Brasil-FA com 6 e Juventus 3. Ao mesmo tempo, uma possível derrota deixaria o clube mais um ano na Segunda Divisão. 

Jogo da vida  

Segundo Voges, que começou a acompanhar o Clube em 2003, após vir morar em Santa Cruz do Sul, o campeonato de 2011 foi um dos mais difíceis, tendo em vista o grande número de jogos e fases. Assim, era quase que um compromisso com o clube viajar até Farroupilha para acompanhar o Avenida naquele ano. “Aquele jogo aconteceu numa noite muito gelada. Estar em Farroupilha era obrigação, já que acompanhei quase sempre o Avenida fora de casa. Até os minutos finais a gente estava nervoso, mas quando o Éder Machado fez o gol, todo mundo gritou e comemorou”, lembra.

No jogo, o Brasil havia aberto o placar no primeiro tempo com Rafael Xavier aos 19 minutos. No entanto, Fininho empatou para o Avenida aos 30. O resultado levava o Avenida para o Gauchão, mas o alívio só veio aos 43 da segunda etapa com o gol de Éder Machado. Ainda deu tempo de Baiano sacramentar o acesso e o título com um gol nos acréscimos, finalizando o placar em 3 a 1. 

A conquista foi a primeira do Avenida e de Voges acompanhando o clube. Neste domingo, dia 24 de julho de 2022, o torcedor novamente irá para a serra, desta vez para Bento Gonçalves, apoiar o Periquito na luta por mais um título em sua história. “Diferente de 2011, nesse ano já temos pelo menos o acesso, vamos mais tranquilos.  Espero que o Avenida seja campeão para que a gente possa viver novamente aquela emoção que tivemos há 11 anos”, finaliza.

Mobilização

Assim como em 2011, a torcida do Avenida promete  ir em grande número apoiar o clube em Bento Gonçalves. Para a partida que ocorre na Montanha dos Vinhedos, a expectativa é que dois ou três ônibus se desloquem até a Serra Gaúcha. A saída está programa para as 10 horas e quem quiser acompanhar o jogo precisa desembolsar R$ 50, sendo que o valor garante a entrada e passagem. Informações podem ser buscadas pelo telefone (51)  9 9920-3301.


Foto: Gabriel Fuelber/Jornal Arauto
Torcedor espera ver o Avenida campeão novamente
Torcedor espera ver o Avenida campeão novamente