Do artesanato à costura: Mãe e Filha apostam em trajes típicos e tiaras na 36ª Oktober


Por: Portal Arauto
Publicado 13/10/2021 19:00

Feed de Negócios   FEED DE NEGÓCIOS

O sonho de ser costureira sempre fez parte da vida de Marilene Heinen. Natural de Venâncio Aires, ela se mudou para Santa Cruz do Sul em 2014 e, desde então, fez do artesanato e da costura uma profissão. Tanto é que hoje, ao lado da filha, comanda o Mãe e Filha Artesanato, com tiara e trajes típicos germânicos que estão expostos na Feirasul durante a 36ª Oktober.

Marilene começou fazendo crochê e tricot em casa. Além disso, sempre gostou de customizar as roupas da filha quando criança. "Eu era artesã e não sabia", conta ela, que ainda teve experiência como faxineira antes de abrir o próprio negócio. E foi justamente pelo incentivo da patroa, que realizou a primeira exposição na Feirasul no ano de 2018. "Trouxe para o público as minhas tiaras de EVA, além de topes de diveros modelos. Depois comecei a fazer cursos na área e fui aprimorando, trazendo outras opções", relata.

Para o próximo ano, a empreendedora planeja trabalhar mais intensamente com a linha de Oktoberfest - trajes e tiaras - e ainda com outras fantasias. Quanto a oportunidade de negócio na Feirasul, Marilene avalia positivamente os primeiros dias. "Pessoal está gostando, os produtos estão saindo bem e eu, realizando meu sonho", considera


Foto: Bruna Oliveira/Portal Arauto
Do artesanato à costura: Mãe e Filha apostam em trajes típicos e tiaras na 36ª Oktober