Brasil sediará edição da South Summit em 2022


Por: Portal Arauto
Fonte: Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Publicado 06/10/2021 14:49
Atualizado 06/10/2021 14:52

Política   EM MARÇO

O Brasil será a próxima parada da South Summit. O anúncio de que a edição de 2022 da maior feira de inovação do Sul da Europa será realizada em Porto Alegre foi dado nesta quarta-feira (6) durante o segundo dia da South Summit 2021, em Madri, na Espanha, com a presença do governador Eduardo Leite e do prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo.

Essa colaboração que o governo do Estado e a prefeitura de Porto Alegre têm ajuda a criar um ambiente muito bom. Temos universidades, empresários que estão aqui na missão conosco em Madri, e estamos todos colaborando mutuamente para fazer com que o RS seja cada vez mais referência em inovação. Temos 6% da população do Brasil, mas 12% dos doutores, as melhores universidades, a melhor universidade pública do país e duas das melhores universidades privadas, de acordo com o Ministério da Educação. É um ecossistema perfeito para a inovação, e a chegada da South Summit só comprova e reforça isso”, disse o governador.

A edição brasileira da South Summit, maior feira de inovação do Sul da Europa, será realizada em março do próximo ano.

"Estamos muito felizes porque é uma negociação que começou em 2019, no primeiro ano do governo. Buscamos prospectar eventos que pudessem coroar nossa estratégia de inovação. Sempre falo que o RS tem orgulho muito grande do passado, olhamos com alegria, respeito e admiração pelo o que se soube fazer no RS, mas a gente vive de futuro, e precisamos conectar nosso Estado com o futuro. E o futuro está nesta colaboração, e essas feiras têm essas características. E levar uma feira com essa bandeira, que já tem essa consolidação, vai nos ajudar a associar nossas redes de inovação do RS com esse ecossistema já consolidado daqui, e isso será uma alavanca para tornar o RS uma potência e referência mundial em inovação", reforçou Leite.

Concluir as tratativas da realização de uma edição da feira em Porto Alegre era o principal objetivo da missão governamental internacional do governo do Estado, que começou no sábado (2) e se encerra no próximo sábado (9). Depois de três dias em Madri, Leite segue nesta quarta para Barcelona, também na Espanha e, na quinta (7), para Toulouse, no sul da França.

De acordo com o prefeito Sebastião Melo, a chegada da South Summit ao Brasil marca a cooperação entre os dois países. “A South Summit encontrará um ambiente muito favorável em Porto Alegre. Temos muito talento e um grande corpo de inovação, tecnologia e empreendimento. Além disso, tomamos a decisão de criar um ambiente amigável para a nova economia, reduzindo impostos, burocracia, a máquina pública e acelerando a abertura de novos negócios. Nossa cidade é acolhedora e conta com excelentes espaços de lazer, gastronomia, cultura e entretenimento. Ao lado do governo do Estado e das universidades, realizaremos uma edição histórica”, garantiu Melo.

A realização da feira em Porto Alegre faz parte da intenção do governo do Estado, com apoio da prefeitura da capital, de transformar o RS em uma referência em inovação, acelerando empreendimentos, ampliando a visibilidade e o networking internacional e criando uma ponte de colaboração e conexão entre o Brasil e a Europa.

No final de setembro, o governo do Estado anunciou o investimento de R$ 112,3 milhões no ecossistema de inovação, dentro do programa Avançar na Inovação. O projeto envolve editais para pesquisa, criação de ambientes férteis para a inovação e o desenvolvimento de novas tecnologias, sobretudo associando inovação e novos empreendimentos.

A South Summit é amplamente reconhecida como a plataforma global para inovação e conexões de alto valor. Sediada em Madri, estende a rede de conexão para o resto do mundo, sendo uma das principais conferências do Sul da Europa. O evento ocorre de 5 a 7 de outubro na capital espanhola.

Durante esse período são esperados 1,2 mil investidores, 6,8 mil startups e 6,77 mil empresas. Ao longo dos três dias, serão 650 painelistas de 124 países. A estimativa é de que cerca de US$ 130 bilhões sejam movimentados entre investimentos e acordos.


Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini
Governador Eduardo Leite e o prefeito Sebastião Melo logo após o anúncio de que o próximo destino da feira será o Brasil
Governador Eduardo Leite e o prefeito Sebastião Melo logo após o anúncio de que o próximo destino da feira será o Brasil