Uma xodó de quatro patas


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 04/09/2021 17:00

Geral   NO VALE

Por onde passa, a cachorrinha Nina chama a atenção. Muito dócil e querida por todos, ela se tornou a mascote da Prefeitura de Vale do Sol, tendo “acesso livre” para passar pelas instalações da Administração Municipal. No entanto, nem sempre foi de carinho e afeto que a cachorrinha foi cercada, pois logo que apareceu nos arredores do prédio da Prefeitura, Nina se encontrava em situação de maus-tratos.

Conforme a servidora municipal que atua como nutricionista da Secretaria de Educação de Vale do Sol, Stefânia Graciele Schieck Garcia, quando ela apareceu em 2019 nas dependências da Prefeitura, a cachorrinha logo recebeu os cuidados necessários, pois estava muito debilitada. “Após ela aparecer com indícios de maus-tratos, a Nina foi medicada e castrada, pois tinha problemas de saúde. Dessa forma, eu e mais alguns colegas cuidamos dela nesse período pós-cirurgia. À noite eu vinha medicar ela e alimentar também”, revela a servidora

Reviravolta

Após estar recuperada, Stefânia conta que Nina foi colocada para adoção. Contudo, não houve interessados, fazendo com que permanecesse nas redondezas da Administração Municipal. “Ela foi ficando e nós cuidando sempre, aí eu trouxe uma casinha pra ela e colocamos na garagem ao lado da sala dos motoristas. Na Prefeitura, a Nina tem acesso livre, sobe no segundo piso pra ver o pessoal todos dias. Ela é muito querida, de manhã está sempre na porta esperando todos chegarem e na hora de ir embora também”, ressalta Stefânia. 

Auxílio

Em relação aos cuidados necessários com a cachorrinha, a servidora revela que existe uma “força-tarefa” de funcionários que auxiliam para que a xodó possa ter todas as suas necessidades atendidas. “Aqui na Prefeitura têm muitas pessoas que ajudam a cuidar sempre dela com vacinas e comida. Muitos dos colegas também contribuem com dinheiro quando se precisa”, frisa.

Muito além de um gesto de amor, os cuidados e atenção com a cachorrinha a tornaram parte da família de muitos funcionários e moradores vale-solenses, que se encantam com o jeito dócil e carinhoso do animal. “Quando ela veio, estava bem debilitada e magra, precisou ser castrada com urgência. Agora, ela passeia por toda cidade, chega para se alimentar nas casas. E aqui na Prefeitura ela tem vida própria, entrando e saindo a hora que quiser. Todo mundo já está acostumado com ela aqui dentro, é nosso nenê”, brinca a servidora municipal.

Além da Prefeitura, Nina também é atração na cidade

Proprietária de uma farmácia em frente ao prédio da Prefeitura, Janaína Maria Baier, de 43 anos, conta que  logo após sua chegada, ajudou nos cuidados com a cachorrinha. “A Nina apareceu com problemas e comentaram sobre a necessidade de atendimento veterinário. Aí acabei me envolvendo nos cuidados, pois era bem frio nessa época”, conta a farmacêutica, que revela ter ocorrido um revezamento entre funcionários e vizinhos da Prefeitura para cuidarem de Nina. 

Sobre a relação com a mascote, Janaína afirma que é muito especial. “Nos fins de semana estamos sempre de olho nela, dando ração,  bolachinha e ossinhos. Eu estranho se não vejo ela todos os dias, é nossa mascote. Ela é muito carinhosa comigo, quando chamo ela sempre vem”, frisa a proprietária da Farmácia.

Dessa forma, Janaína revela que até mesmo o seu cachorro é amigo de Nina, brincando muitas vezes com ela. Ainda, a farmacêutica ressalta que sempre gostou de animais, o que fez com que a relação dela com Nina se tornasse muito forte. “Eu e as gurias da Prefeitura sempre gostamos de cachorros, então a Nina apareceu e nos sensibilizamos com ela. É muito querida com todo mundo”, finaliza.


Foto: Gabriel Fuelber/Jornal Arauto
Por onde passa, Nina recebe carinho e atenção de servidores e vizinhos da Prefeitura
Por onde passa, Nina recebe carinho e atenção de servidores e vizinhos da Prefeitura

Foto: Arquivo Pessoal
Nina com o pug de Janaína
Nina com o pug de Janaína