Polícia Civil identifica "assaltante do roupão" e comparsa que roubaram mercado em Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Publicado 02/09/2021 19:00

Polícia   ELUCIDAÇÃO

Um assalto um tanto quanto incomum pelos trajes vestido por uma das criminosas foi elucidado pela Polícia Civil de Santa Cruz. Após uma série de diligências investigativas, a equipe da 1ª DP identificou a "assaltante do roupão", e o comparsa dela, um até então morador de Vera Cruz. Os dois são apontados como autores de um roubo contra um mercado, no bairro Belvedere, no dia 22 de agosto. Na ocasião, a dupla chegou ao local em um veículo Gol. O homem, de 29 anos, usou um revólver na ação e a mulher, de 39 anos, portava um facão para roubar o dinheiro do caixa.

Conforme a titular da 1ª DP, delegada Ana Luisa Aita Pippi, a investigação teve um ponto crucial na manhã desta quinta-feira (2). Ao cumprir mandados de busca, as equipes apreenderam o roupão, uma pistola airsoft que teria sido usada na ação, o casaco usado pelo homem, duas facas, um aparelho celular, e, na casa da mulher, o veículo utilizado pelos dois para chegarem ao local do crime. "Foi um trabalho que contou também com a cooperação da Brigada Militar. A autora é uma mulher moradora do bairro Pedreira, em Santa Cruz, e o autor um indivíduo, morador de Vera Cruz que se mudou recentemente para Santa Cruz, com diversos antecedentes por estelionatos", disse. Os nomes não podem ser divulgados em razão da lei do abuso de autoridade. 

Agora, a Polícia Civil trabalha para fechar os procedimentos policiais com os devidos indiciamentos para encaminhar o inquérito para o Poder Judiciário. "Esse caso chamou a atenção de todo o País em função dos vídeos e pela vestimenta da autora. A partir disso passamos a investigar pelas imagens e pelas informações e reconhecimento das vítimas, o que foi fundamental para as investigações", destaca. 

Outro assalto como autores identificados

Além do assalto ao mercado no bairro Belvedere, a 1ª DP chegou nesta semana a identificação dos envolvidos ao assalto contra uma loja de celulares. O crime aconteceu no dia 17 de agosto contra um estabelecimento localizado na Rua Marechal Floriano, no Centro da cidade. De acordo com a titular da 1ª DP, delegada Ana Luisa Aita Pippi, participaram da ação um jovem de 18 anos, responsável por executar o crime, e outros dois indivíduos: um deles dirigia a moto usada na fuga e outro planejou o assalto. Em cumprimento de mandado de busca, os agentes apreenderam na residência do homem que arquitetou a ação, um capacete e uma calça, usadas pelo executor do crime no momento do assalto. A moto utilizada foi apreendida anteriormente em uma ação da Brigada Militar. "É uma resposta importante que estamos dando para a sociedade. Temos muitas investigações em andamento e não vamos parar. Vamos dar a resposta adequada", disse.

Assim como no caso da "assaltante do roupão" a Polícia deve concluir o inquérito nas próximas semanas.


Foto: Guilherme Bica/Portal Arauto
Delegada Ana Luísa com o roupão e a arma de airsoft apreendida
Delegada Ana Luísa com o roupão e a arma de airsoft apreendida

Foto: Divulgação
Carro usado na ação foi apreendido
Carro usado na ação foi apreendido

Foto: Divulgação
Roupão usado no assalto pela mulher e caso do outro criminoso foram apreendidos
Roupão usado no assalto pela mulher e caso do outro criminoso foram apreendidos