Desaparecimento de mulher ainda é mistério para a Polícia Civil de Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Publicado 28/05/2021 20:00
Atualizado 29/05/2021 06:45

Geral   INVESTIGAÇÃO

Desaparecida desde o dia 25 de março em Santa Cruz, o paradeiro de Isoldi Schmachtenberg, 56 anos, continua sendo um mistério para a Polícia Civil. A mulher - moradora do Bairro Aliança e de 1m63cm - tem distúrbios mentais e teria saído de casa por contra própria.

Conforme a Polícia Civil, a mulher já tem um histórico de desaparecimento e em outras oportunidades foi localizada em Candelária, por exemplo. Em vários momentos ela saiu de casa sem rumo. Ainda conforme a polícia, Isoldi apenas sabia fazer o trajeto da casa dela até um mercado que ficava a duas quadras da residência, onde ela ia todos os dias. 

Com o intuito de localizá-la, a Polícia Civil realizou diligências na volta da residência e buscas em alguns locais da cidade onde testemunhas tinham informado já terem visto ela. Além disso, foi feito um levantamento em hospitais da cidade e região, em albergues, e divulgado o desaparecimento na polícia da região, mas ainda não há notícias.

De acordo com a titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (​Deam), delegada Lisandra de Castro de Carvalho, a situação intriga os policiais que trabalham no caso. "É uma preocupação, mas infelizmente não temos mais onde buscar informações. Uma coisa é tu rastrear pessoas que saem com telefone, mantêm contato, dizem onde vão, deixam dicas, mas essas pessoas com problemas mentais não têm lógica, não sabem onde estão e saem sem nada", destaca. Qualquer informação referente ao desaparecimento de Isoldi pode ser repassada para a Polícia Civil por meio do número 984164590. 

 


Foto: Divulgação
Isoldi Schmachtenberg está desaparecida desde o dia 25 de março
Isoldi Schmachtenberg está desaparecida desde o dia 25 de março