Trajetória de sucesso no futebol da Alemanha


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 02/05/2021 10:00

Geral   ÍDOLO NA ALEMANHA

Para quem é apaixonado por futebol, estar envolvido diariamente com grandes personalidades do esporte mais popular do mundo é a realização de um sonho. No caso do vera-cruzense César Thier, de 53 anos, este sonho se realiza todos os dias, já que o ex-goleiro profissional atua no gerenciamento da equipe profissional do Hoffenheim, time alemão centenário que tem sido presença constante nas maiores competições europeias. O vera-cruzense também exerce o ofício de tradutor e auxiliar técnico para jogadores sul- americanos no clube.

 Conforme Thier, sua chegada na Alemanha ocorreu em 1994, quando se transferiu  para o SC Borussia Fulda, equipe que estava na terceira divisão alemã na época. Desde aquele ano, o vera-cruzense acumulou passagens por outros clubes alemães e encerrou a carreira profissional em 2008.

Novas funções

Após encerrar a trajetória dentro das quatro linhas, Thier foi contratado pelo Hoffenheim ainda em 2008 para ser treinador de goleiros e intérprete no clube. No entanto, após um acidente de ônibus ocorrido na África - durante a pré-temporada da equipe sub-23 em 2012 - Thier teve que deixar a função de preparador de goleiros que tanto amava em razão de lesões sofridas no acidente. “Depois de cinco dias internado no hospital na cidade de Namíbia, na África, fui transportado para a Alemanha em um voo especial devido  à gravidade da minha lesão. Por ter esta lesão na coluna, fiz dois anos de terapia intensiva e não pude mais exercer meu trabalho como treinador de goleiros, que eu tanto gostava”, salienta.

Oportunidade

A volta de Thier aos trabalhos ocorreu em 2015, quando o Hoffenhein propôs uma nova função para o vera-cruzense: auxiliar os jogadores que chegavam ao clube. Neste cargo, Thier revela ter feito amizades com grandes jogadores, como Roberto Firmino, Eduardo Vargas, Luiz Gustavo e Carlos Eduardo. Entre as histórias, o ex-goleiro conta que pela proximidade e confiança que tem com os jogadores, já passou por situações inusitadas. “Quando o Firmino passou pelo clube, a sua namorada estava grávida. No dia que ela iniciou o trabalho de parto, fui um dos primeiros a estar com ela para ajudar na tradução, e depois estava na sala de  espera com o Firmino. Foi uma experiência bonita, mas que nunca pensei que faria parte”, ressalta Thier, que se orgulha de estar presente da vida de tantos jogadores  durante a sua adaptação no clube alemão.

Carreira

Após jogar um ano no Clube Vera Cruz, Thier iniciou a carreira no Santa Cruz, em 1987. Depois passou por São Paulo - RS e Araranguá - SC. Após se transferir para a Alemanha, em 1994, teve passagens por SC Borussia Fulda, Holstein Kiel e Kickers Offenbach. No Offenbach ficou por oito anos (2000-2008) e se tornou um dos ídolos do clube, um dos jogadores que mais vestiu a camisa da equipe. Como auxiliar-técnico, atuou com treinadores de renome, como Alfred Schreuder (atual co-treinador do Barcelona) e Julian Nagelsmann (que assumirá a equipe do Bayern de Munique em 2021).


Foto: Divulgação
César (centro) ao lado de Alfred Schreuder (esquerda) durante jogo na Allianz Arena em 2019
César (centro) ao lado de Alfred Schreuder (esquerda) durante jogo na Allianz Arena em 2019