Proprietários de bares e restaurantes pedem retomada de atendimento nos fins de semana à noite


Por: Portal Arauto
Publicado 20/04/2021 07:00
Atualizado 20/04/2021 09:29

Geral   SANTA CRUZ

No início do mês, o governador Eduardo Leite anunciou novas medidas de flexibilização das atividades econômicas, incluindo restaurantes, bares e lancherias no período da noite. O atendimento à noite, mesmo que de forma restrita, tem possibilitado, lentamente, que os proprietários dos estabelecimentos de Santa Cruz consigam honrar os compromissos e sofrer menos com a crise financeira. Contudo, o pedido, agora, é para que o atendimento possa também ser realizado aos fins de semana à noite, o que até então é proibido. 

Segundo o presidente da Associação de Bares, Restaurantes e Similares de Santa Cruz do Sul, Roberto do Nascimento e Silva, a retomada do trabalho de segunda a sexta-feira à noite serviu como alento para resgatar um pouco da dignidade em relação ao direito de trabalhar. "Mesmo que de forma restrita, já foi muito bom em relação ao cenário das semanas anteriores em que a gente não podia atender o público de forma presencial. Nos enche de esperança por estarmos, de novo, podendo trabalhar, gerando emprego e renda", complementa. 

Cuidados redobrados

Ele destaca que praticamente todos os estabelecimentos de Santa Cruz receberam a visita da Vigilância Sanitária: "Os profissionais da Vigilância foram muito educados, entendendo toda a situação, nos parabenizando pelo distanciamento, pela disponibilização do álcool em gel e utilização das máscaras. Os clientes também já estão acostumados a colocarem suas máscaras para irem até o caixa ou banheiro. Se percebe que há uma grande responsabilidade tanto dos clientes quanto das empresas em relação às regras sanitárias".

O problema, conforme o presidente da Associação, além da restrição de horários, está na impossibilidade dos restaurantes, bares e pubs atenderem nos sábados e domingos à noite: "A gente não percebe diferença nenhuma em relação ao controle sanitário de um dia de semana para um dia do fim de semana. Nos fins de semana as pessoas têm uma possibilidade maior de frequentarem os bares e restaurantes. Então é uma descreprância o decreto impossibilitar atender de forma presencial no fim de semana. Isso precisa urgentemente ser organizado". 

Para que seja repensada a possibilidade dos estabelecimentos abrirem também aos fins de semana à noite, uma carta formal está em processo de elaboração e, nos próximos dias, será divulgada para o Poder Municipal com o intuito de que a Prefeitura de Santa Cruz entre em contato com o Governo do Estado a fim de resolver esse impasse. Apesar da flexibilização, Roberto destaca que ainda os empresários enfrentam uma série de dificuldades: "Em uma semana não se teve praticamente uma entrada de receitas que consiga resolver nem parte dos problemas gerados em decorrência dessas restrições todas".

SOBRE O DECRETO

O decreto do Governo do Estado possibilita, desde o último dia 10 de abril, que restaurantes, bares e lancherias possam receber clientes até as 22h, com fechamento obrigatório até 23h em bandeira preta nos dias de semana, de segunda a sexta-feira. Aos finais de semana, os mesmos estabelecimentos só podem receber clientes até as 15h. 


Foto: Feepik/ Divulgação
Decreto atual permite atendimento apenas de segunda a sexta-feira à noite. Carta será encaminhada à Administração Municipal para resolver o impasse
Decreto atual permite atendimento apenas de segunda a sexta-feira à noite. Carta será encaminhada à Administração Municipal para resolver o impasse