Polícia vai instaurar inquérito para apurar calúnia contra agentes públicos em Vera Cruz


Por: Portal Arauto
Publicado 23/12/2020 20:00

Polícia   INVESTIGAÇÃO

A Polícia Civil de Vera Cruz abriu inquérito para investigar calúnia cometida contra agentes públicos de Vera Cruz. O crime ocorreu pela internet. De acordo com o titular da Delegacia de Vera Cruz, delegado Paulo César Schirrmann, tudo aconteceu após uma ação da Brigada Militar e da Vigilância Sanitária apreender 160 quilos de carne imprópria para consumo em açougue. A partir do noticiário, comentários em redes sociais com uma série de calúnias contra os profissionais que atuaram na ação começaram a surgir. "Temos prints de pessoas que afirmaram que os agentes públicos fariam churrasco com aquela carne, o que é um completo absurdo. Imputando um crime para servidores que estavam lá para defender a comunidade. A partir dessas calúnias fomos procurados, boletins foram registrados e agora daremos andamento ao inquérito", destaca.

Ainda conforme Schirrmann, as pessoas citadas nos boletins de ocorrência serão intimadas para prestarem depoimentos nos próximos dias. O objetivo é concluir o inquérito até o fim do mês que vem. "Quem comercializa carne sem procedência está cometendo um crime contra as relações de consumo e ainda fomentando abigeato. E infelizmente depois desse belo trabalho que os órgãos desenvolvem aqui em Vera Cruz, ainda há esse tipo de comentários, imputando a profissionais uma série de acusações que não tem cabimento algum. Além da parte penal, possivelmente esses agentes públicos ainda vão pedir reparação na área cível por dano moral", explica.

 


Foto: Arquivo/Jornal Arauto
Delegado Paulo César Schirrmann investiga o caso
Delegado Paulo César Schirrmann investiga o caso