“Implantamos o Plantão Médico, foi uma das maiores obras até hoje concretizadas”, reflete Nelson Michel


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 13/10/2020 07:00
Atualizado 13/10/2020 07:03

Política   ELEIÇÕES 2020

Os dois candidatos à Prefeitura de Vale do Sol também falaram ao Grupo Arauto. A primeira entrevista é com o candidato da oposição ao atual governo: o comerciante aposentado Nelson Michel, 71 anos, que encabeça a chapa do MDB.

Aos 12 anos de idade, com o falecimento do pai, assumiu o comércio da família. Até hoje, mantém-se nesta atividade de comerciante, mesmo aposentado. Ao longo desta trajetória foi também motorista transportador, com seus próprios caminhões.

Na vida política, iniciou sua caminhada como membro da Comissão Emancipacionista e em 1992 foi eleito primeiro o prefeito de Vale do Sol, assumindo o cargo em 1993. Com a ajuda da comunidade, amigos da região e políticos, juntos organizaram o Município que se emancipava, criando suas leis. Ele destaca nesse sentido a participação efetiva da Unisc no processo organizacional do Município.

Em 2000 foi eleito novamente como Prefeito. Neste ano de 2020, retorna para mais uma eleição, e se diz “disposto a continuar o trabalho sério e eficiente com base em suas experiências anteriores”.

Casado com Eroni Michel, vice-prefeita do Município entre 2009 e 2012, no mandato do prefeito Clécio Halmenschalger. Juntos têm três filhas: Magale, Marjone e Marivane. É justamente com o ex-prefeito Clécio, agora no cargo de vice-prefeito, que a chapa do MDB se completa nesta disputa.

Por que decidi me candidatar para governar Vale do Sol?

“Na verdade, a decisão partiu da vontade e desejo da população de Vale do Sol que fez um chamamento, através de lideranças do MDB e PT, para oportunizar ao povo o direito de escolher experiência e competência para administrar o Município, o que já fizemos anteriormente, tanto eu como o meu vice, o Clécio Halmenschlager, único prefeito reeleito de Vale do Sol.

O legado de nossas administrações anteriores comprovam nossa capacidade de governar com ética e transparência, possibilitando ao povo vale-solense uma vida mais próspera. Trabalharemos para alcançar uma política em prol do bem comum.

Aceitei o convite porque acredito que tenho muito a contribuir para o desenvolvimento e crescimento do nosso Município. A população me conhece e já demonstramos que é possível fazer e fazer melhor.  A escolha do candidato a vice-prefeito também foi de extrema relevância para mim e os demais colaboradores e apoiadores da minha candidatura.”

A pandemia refletiu para todos, também no setor público, especialmente na saúde, educação e economia. Qual o desafio, a partir de 2021, para voltar a crescer, seja no setor industrial, seja no comércio? Como fomentar a empregabilidade e buscar novas fontes de recursos?

“Com certeza a pandemia refletiu e continuará durante um longo período a produzir reflexos nos mais variados setores públicos e privados dos Municípios. Nossa população precisa ter vez e voz, para isso daremos ênfase aos Conselhos Municipais. Estamos focados em atrair e incentivar a instalação de novos investimentos. Para tanto, já foram realizados contatos com empreendedores que demonstraram interesse em investir em Vale do Sol. Também buscamos o apoio de parlamentares para viabilizar recursos junto aos órgãos federais e estaduais e à consolidação de novos projetos. Iremos adquirir uma área para a instalação de um polo industrial, apoiando nossas empresas e incentivando assim a criação de novos postos de trabalho.

Nossa equipe será formada por pessoas técnicas e qualificadas para buscarem novos empreendimentos com vistas ao desenvolvimento industrial, comercial e agrícola do nosso Munícipio. A valorização do comércio local será uma das prioridades na próxima gestão municipal.”

A população sempre clama por obras públicas. Melhorias de estradas, pavimentações, água, revitalização de espaços, novas construções. Na sua visão, qual a maior carência em Vale do Sol e o que deve ser assumido como prioridade na sua nova gestão?

“Em 2010, implantamos o Plantão Médico, foi uma das maiores obras até hoje concretizadas, isso é definitivo, mas agora precisamos humanizar o atendimento dos usuários nas Estratégias de Saúde da Família (ESF). Iremos trabalhar com a saúde preventiva, facilitando o acesso a consultas e exames e ampliando o convênio com o Cisvale. Outra urgência é a renovação da frota das ambulâncias. Além disso, buscaremos recursos para adquirir outros equipamentos importantes para diagnóstico e prevenção de doenças, em parceria com o Hospital de Vale do Sol.

Viabilizar o transporte de pacientes com tratamentos específicos em outros Municípios também é uma de nossas prioridades. Precisamos urgentemente realizar um trabalho de conscientização para implantar saneamento básico e buscar recursos, por meio de projeto, visando o tratamento de esgoto no Município.”

Vale do Sol é reconhecidamente uma terra de vocação agrícola. Tem no tabaco a principal economia, mas não para por ali. Qual o plano que envolve a valorização da agricultura, considerando os plantios, a diversificação, as agroindústrias e sua estrutura necessária para desenvolver (boas estradas, água, energia suficiente…)?

“Ao reestruturar a Secretaria de Agricultura iremos ampliar a Patrulha Agrícola, com máquinas públicas e privadas. Organizaremos um plano de desenvolvimento rural. Vamos incentivar os jovens para continuidade na propriedade agrícola, por exemplo, por meio da reativação do fundo rotativo municipal. Além disso, buscaremos parceria para melhorar a eletrificação rural, telefonia e internet. Apoiaremos técnica e logisticamente as agroindústrias e indústrias com uso da produção primária, como por exemplo, aipim/mandioca. Iremos apoiar iniciativas de organizações comunitárias e de fumicultores, mas também incentivaremos a diversificação da agricultura. Vamos dar suporte técnico para a Escola Família Agrícola. Buscaremos um importante convênio com o Hospital Veterinário da Unisc. Nosso Município tem um grande potencial turístico, queremos incentivar o turismo rural, através de parcerias público-privadas. Ainda, fortaleceremos o Conselho Municipal de Agricultura, através da ocupação de escolas municipais desativadas para instalação de indústrias e/ou agroindústrias.”


Foto: Caroline Moreira/Jornal Arauto
O primeiro prefeito de Vale do Sol volta à disputa tendo Clécio Halmenschlager como candidato a vice
O primeiro prefeito de Vale do Sol volta à disputa tendo Clécio Halmenschlager como candidato a vice