Justiça concede ganho de causa para Campanha Ame Juju


Publicado 30/06/2020 16:57
Atualizado 01/07/2020 11:56
Geral   DIA DE VITÓRIA Fonte: Portal Arauto

A Justiça concedeu nesta terça-feira (30) ganho de causa para a santa-cruzense Júlia Cardoso Torres realizar o tratamento da Atrofia Muscular Espinhal (AME). Conforme a mãe Silviane Bica Cardoso, a defesa da família havia solicitado que a União pagasse o valor restante para o tratamento de R$ 9 milhões com a terapia gênica Zolgensma. 

Em uma corrente de amor e solidariedade, a Campanha Ame Juju arrecadou, desde o ano passado, mais de R$ 2,2 milhões. "Graças a todos que se mantiveram conosco, nos ajudaram e fizeram acontecer. Desde que ficamos sabendo da notícia, só choramos. Mas agora as lágrimas são de felicidade", diz Silviane. 

DECISÃO

A decisão foi proferida pelo juiz Eduardo Vandré Oliveira Lema Garcia, da Primeira Vara Federal de Santa Cruz do Sul. No despacho, o juiz destaca que a decisão foi tomada tomou como referência recente julgamento do STF para medicamentos de alto custo, que admite excepcionalmente medicamento com registro em agência estrangeira de prestígio. No texto, o juiz diz que considerando as peculiaridades da menina e o risco grave à saúde, a decisão entendeu que a existência de testes animadores, embora não conclusivos, seria suficiente. "Quando do outro lado da balança está o risco à vida e o sofrimento de uma criança que recém veio a este mundo confuso, não tenho dúvida alguma de que a balança há de pesar em seu favor, ou seja, o que é decisivo para o julgamento é a circunstância de a prova científica ser substancialmente mais favorável à eficácia do medicamento do que a não-eficácia", diz na decisão.

Relembre: Nove milhões de motivos para salvar Juju

(Foto: Divulgação/Página Ame Juju)







Corona - Aqui não passa!