compartilhe >>

A sombra da aceitação


Publicado 27/03/2024 08:00
Atualizado 27/03/2024 09:45

Mensagem do Dia

Disponível também em:


Sabe quando a gente está sempre correndo atrás do "sim" dos outros, tentando agradar todo mundo?. Viver assim, querendo constantemente a aprovação alheia, nos joga numa roda-viva de ansiedade. Tem como viver com paz e equilíbrio quando você deixa de ser quem é para se tornar o que os outros esperam?
Nas redes sociais, então, isso fica ainda mais intenso. A cultura do "curtir" e do "compartilhar" estabelece um sistema de recompensa instantânea que alimenta a necessidade de aprovação. As pessoas passam a medir seu valor e sucesso pela quantidade de interações positivas que recebem online, o que pode levar a uma dependência emocional dessas plataformas. Essa dependência não apenas agrava a ansiedade e a insatisfação pessoal, mas também pode resultar em comparações constantes com os outros, exacerbando sentimentos de inadequação e inveja.
Sabe o que provoca também essa ânsia de ser aprovado o tempo todo? Te impede de tomar decisões que realmente têm a ver com você. Você acaba escolhendo caminhos que nem queria, só porque acha que vão agradar mais os outros. E isso é uma cilada que não traz felicidade nenhuma.
Outra coisa, essa necessidade de aprovação pode acabar com seus relacionamentos verdadeiros. Quando você não é autêntico, suas relações ficam superficiais. Você se sente sozinho mesmo estando rodeado de gente, porque no fundo, ninguém está conectado de verdade.
Então, o que fazer? Entenda que buscar a aprovação dos outros o tempo todo é armadilha. Valorize mais o que você realmente quer e sente. Isso não só vai te fazer mais feliz, mas também vai atrair pessoas que gostam do seu eu verdadeiro. E aí, sim, você constrói conexões de verdade.
É vital reconhecer e abordar a necessidade excessiva de aprovação, trabalhando no fortalecimento da autoestima, na busca por autenticidade e na valorização das próprias necessidades e desejos. Isso não apenas promove um bem-estar emocional mais saudável, mas também conduz a relações mais autênticas e satisfatórias.

Autora: Cátia Kist


A sombra da aceitação