"Filho do Gugu" alega vínculo com a Unisc; aluno do mestrado rebate afirmação


Por: Portal Arauto
Publicado 04/08/2022 10:39
Atualizado 04/08/2022 11:45

Geral   CURRÍCULO FALSO?

As denúncias envolvendo o “Filho do Gugu” estão sendo comentadas nos corredores da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) desde que o caso ganhou atenção especial dos veículos de comunicação do país. João Riél Manoel Hibner Nunes Vieira Teles de Oliveira Brito está sendo investigado pela Polícia Civil por mentir para ter agenda com o vice-presidente da República, Hamilton Mourão.

LEIA MAIS: Conheça o morador da região investigado por mentir para ter agenda com Mourão

O advogado Francisco Kliemann Campis, que se formou em Direito em Santa Cruz e, no momento, faz o mestrado na Universidade do Vale do Rio dos Sinos, utilizou as redes sociais para negar qualquer vínculo de João Riél com a instituição da Terra da Oktoberfest. “Ele dizia que era aluno do mestrado da Unisc. Fui perguntar para os colegas se conheciam ele, mostrei o Lattes, mas ninguém nunca tinha visto ele”, escreveu.

Na Plataforma Lattes, na qual estudantes registram dados de formação acadêmica, João Riél destaca que foi membro do Grupo de Pesquisa Intersecções Jurídicas entre o Direito Público e Privado. “O professor organizador do grupo disse que ele não estava vinculado, que tinha ido uma vez em um evento da pós-graduação e que era isso”, colocou Campis.

Para o jovem de Santa Cruz, a formação de João Riél é incompatível com a idade dele. A qualificação mais recente é um pós-doutorado em Direito Constitucional pela Universidade de Messina, na Itália. “Foram dois mestrados, um doutorado e um pós-doutorado realizados no período de três anos. É sério. Confiram o Lattes dele. Tem uma série de inconsistências", completou.

Filho do Gugu

O apelido ganhou força depois da participação do homem no programa Quem Quer Ser Um Milionário?, em 2019. Ele foi comparado pelo apresentador Luciano Huck como um “filho do Gugu por conta da semelhança com o artista já falecido.

Leia a nota pública divulgada por João Riel:

Mais uma vez, minha imagem, e até da minha família, é atingida, deturpando fatos. Criam inverdades sobre fatos antigos e atuais, sobre minha trajetória pessoal e acadêmica, com a nítida intenção de abalar minha honra junto à sociedade, amigos e familiares. Ainda não tenho conhecimento de tudo que me acusam. Já  tentaram isso no passado, mas nada conseguiram, pois fui inocentado em tudo de que me acusaram. Reitero, mais uma vez, a credibilidade dos meus títulos acadêmicos, minhas obras jurídicas e literárias.

Quem me conhece sabe da minha reputação e de todo o trabalho que já fiz, faço e continuarei a fazer, em prol da cultura, da educação e do conhecimento.

 Atenciosamente

João Riél.


Foto: Divulgação
João Riél é investigado por mentir para ter agenda com Mourão
João Riél é investigado por mentir para ter agenda com Mourão