Morador de Rio Pardo precisa fazer cirurgia de urgência para não perder a visão


Por: Portal Arauto
Publicado 27/07/2022 19:00

Geral   VAMOS AJUDAR?

Três meses! Esse foi o prazo máximo que Ricardo Rosa da Silva, de 38 anos, recebeu para fazer uma cirurgia de emergência na região ocular e não perder a visão totalmente. O morador de Rio Pardo precisa arrecadar R$ 22 mil para cobrir os custos do procedimento e pós-cirurgia. Ele está angariando valores através de uma vaquinha on-line, PIX e ações.

“Isso começou devido complicações da diabete tipo 1. Estou esperando o procedimento pelo SUS faz mais de dois anos. Em virtude da pandemia, tudo atrasou, então minha visão piorou e tive que fazer uma consulta particular e ali fui diagnosticado com retinopatia diabética”, relatou.

Ricardo contou que já perdeu 100% a visão do olho direito e está com apenas 30% do esquerdo. “O médico me falou que tenho três meses, no máximo, pra fazer a cirurgia”.

Para arrecadar os valores, Ricardo conta com uma vaquinha on-line. Você pode acessar ela clicando aqui. Outra forma de contribuir é pela chave PIX Celular: (51) 99666-7454 em nome de Ricardo Rosa. Um pedágio solidário vai ser realizado no dia 6 de agosto, na Rua Andrade Neves em frente à prefeitura de Rio Pardo. Uma rifa e galeto também serão realizados.

O que é retinopatia diabética

A retinopatia diabética (RD) é uma doença que afeta os pequenos vasos da retina, região do olho responsável pela formação das imagens enviadas ao cérebro. O aparecimento da retinopatia diabética está relacionado principalmente ao tempo de duração do diabetes e ao descontrole da glicemia. Quando o diabetes não está controlado, a hiperglicemia desencadeia várias alterações no organismo que, entre outros danos, levam à disfunção dos vasos da retina.


Foto: Divulgação / Arquivo Pessoal
Ricardo Rosa da Silva foi diagnosticado com retinopatia diabética e corre risco de perder a visão
Ricardo Rosa da Silva foi diagnosticado com retinopatia diabética e corre risco de perder a visão