Dose Certa quer promover uso racional de insumos pelos produtores vera-cruzenses


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 21/06/2022 17:00

Geral   AGRICULTURA

Para cativar a atenção dos produtores vera-cruzenses para a importância da análise de solo das lavouras - técnica pouco explorada nas propriedades do município -, foi apresentado na manhã da última sexta-feira (17), o Programa Municipal de Solos Dose Certa, durante o Encontro da Agricultura Familiar na 12ª Feira da Produção, promovido pela Emater/RS-Ascar, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, Sindicato dos Trabalhadores Rurais na Agricultura Familiar de Vera Cruz e Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag-RS). Através da iniciativa - apoiada pela Emater e o Sindicato - a Secretaria Municipal passa a realizar a leitura dos materiais coletados nas propriedades - trabalho já feito pela Emater no município -, também com um profissional técnico à disposição para acompanhamento e auxílio para dúvidas.

Mesmo com os benefícios dessa técnica, ao proporcionar um diagnóstico na lavoura, o aproveitamento mais eficiente dos nutrientes, bem como a redução de gastos com insumos, sendo através da análise de solo identificada a “dose certa” de adubo a ser aplicada na lavoura, sem desperdícios e, portanto, com redução de gastos, ainda são poucos os agricultores vera-cruzenses que apostam. “Em 2021, foram encaminhadas apenas 58 análises de solo através da Secretaria, o que é considerado muito pouco, visto que temos em torno de duas mil propriedades agrícolas no município. Por isso, buscamos conscientizar os produtores rurais que não se consegue identificar a quantidade que precisa colocar de insumos no solo ou qual é o tipo mais apropriado com uma simples observação. Recentemente tivemos um agricultor que queria implementar uma cultura nova, de pastagem, e fazer a correção do solo com calcário. Porém, com base na análise, o solo não necessitava da correção no momento, pois a terra já estava com grande acúmulo de nutrientes”, explica o técnico agrícola da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Roger Severo, ao citar, ainda, a vantagem econômica. “Com a disparada no preço dos adubos, cremos que é uma vantagem e tanto aos agricultores, que vão reduzir seus gastos, fazendo a compra e aplicando no solo somente a quantidade necessária de adubo”, complementa.

Para o coordenador da Emater local, Bruno Flores, ainda são poucos os produtores que valorizam a importância da técnica, uma vez que nem sempre a finalidade de sua realização é a racionalização e o uso eficiente dos insumos, mas sim, atender a exigência na encomenda de calcário junto à Secretaria, ou mesmo atender o requisito para contratação de linha de crédito - o que se percebia anteriormente, mas já não é mais uma obrigatoriedade. “Nossa conscientização no dia a dia, durante as visitas técnicas ou no atendimento junto ao escritório da Emater e na Secretaria, é no sentido de mostrar a importância, observando também que nossas terras de plantio de tabaco são na maioria bem adubadas e, assim, às vezes não é necessária uma quantidade de insumos expressiva, o que a análise de solo vai apontar”, esclarece. 

Para contratar a análise de solo, o produtor vera-cruzense tem custo de R$ 52,10, o que pode ser considerado baixo, conforme Roger, uma vez que representa 21,5% do valor pago por um saco de adubo normal - cujo valor médio em três estabelecimentos comerciais de Vera Cruz, conforme levantamento da pasta, é de R$ 241,66.

O Encontro da Agricultura Familiar contou, ainda, com painel ministrado pelo extensionista rural da Emater/RS-Ascar Josemar Parise e do pesquisador da Embrapa Marcelo Klein sobre “Novas tendências: cultivo de trigo no Vale do Rio Pardo”. Também com palestra sobre “Manejo e Conservação do Solo”, pelo engenheiro agrônomo da Fetag, Kaliton Prestes, e palestra “Evolução tecnológica, aplicações com drones na agricultura”, por Arnildo e Alex Aretz.


Foto: divulgação
Dose Certa visa uso racional e mais eficiente de insumos nas lavouras
Dose Certa visa uso racional e mais eficiente de insumos nas lavouras

Foto: Jornal Arauto / Taliana Hickmann
Programa Dose Certa foi lançado em Encontro da Agricultura Familiar
Programa Dose Certa foi lançado em Encontro da Agricultura Familiar