Vereadora quer reduzir prazo para fim do uso de animais em veículos de tração em Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Publicado 31/05/2022 16:10
Atualizado 31/05/2022 16:17

Política   LEI CASCÃO

A vereadora Bruna Molz (Republicanos) ingressou com um projeto de lei na Câmara que altera de três anos para seis meses, o prazo para o fim dos veículos de tração animal em Santa Cruz do Sul. A matéria é subscrita por Gerson Trevisan (PSBD). A legislação vigente já proíbe a prática na área central, mas permite o transporte nos bairros até 2025. Contudo, se aprovada, o município no prazo de 180 dias - a contar da publicação da lei - não poderá mais fazer uso de animais para puxar veículos de tração.

Conforme Bruna, o objetivo do projeto é "acabar com exploração de animais na cidade" e o "trabalho forçado de cavalos vítimas das carroças" que, em maioria, são "humilhados e agredidos sem o mínimo de dignidade".  Ainda, na justificativa, a vereadora cita o caso do cavalo Cascão - que dá o nome a Lei - encontrado caído em uma poça de barro na última sexta-feira (27) às margens da BR-471, próximo ao Bairro Santuário. O animal chegou a ser resgatado, mas acabou falecendo na segunda-feira (30).

Ainda, segundo a vereadora, o intuito agora é sugerir outros meios para que as pessoas possam seguir realizando esse tipo de trabalho. Um deles é o projeto "Bikeco" em Canoas, onde Bruna cumpre agenda nesta terça-feira (1º). "O município tem um projeto em que a prefeitura deu bicicletas bem equipadas em troca dos cavalos e das carroças. Minha ideia é conhecer a proposta, os valores e apresentar para a prefeita aqui, para termos uma alternativa nesses seis meses. Os animais não podem mais esperar", destaca.


Foto: Jacson Stulp/Câmara de Vereadores
Vereadora Bruna Molz é a propositora da alteração na lei
Vereadora Bruna Molz é a propositora da alteração na lei

Foto: Divulgação
Vereadora quer reduzir prazo para fim do uso de animais em veículos de tração em Santa Cruz