Veja detalhes do edital de licitação para a ampliação da coleta seletiva de lixo em Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa
Publicado 12/05/2022 17:21
Atualizado 12/05/2022 17:59

Geral   MEIO AMBIENTE

Santa Cruz do Sul está prestes a dar um grande salto qualitativo e quantitativo na coleta seletiva de lixo. Foi lançada nessa quarta-feira (11) a concorrência que licitará a prestação do serviço para o município. 

A iniciativa está sendo conduzida pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Saneamento e Sustentabilidade (Semass). O objetivo principal é ampliar significativamente o recolhimento de resíduos recicláveis gerados no município. Atualmente, o trabalho ocorre em apenas 15 bairros da cidade, realizado pela Cooperativa de Catadores e Recicladores de Santa Cruz do Sul (Coomcat), que seguirá atuando nestes locais. A licitação prevê o atendimento de outros 20 bairros. A expectativa da Prefeitura é de que a vencedora do certame comece a operar ainda no início do segundo semestre deste ano. A abertura da licitação está prevista para o dia 14 de junho.

A prefeita Helena Hermany está bastante positiva em relação a implementação do novo projeto de coleta seletiva. “Temos ainda uma grande parte do município que não é atendida. Com essa medida, teremos uma cidade mais limpa, com mais qualidade ambiental, e gerando mais renda aos trabalhadores da reciclagem”, declarou.

Na nova proposta, a empresa vencedora passará a atender outros 20 bairros ainda desassistidos, com o recolhimento somente do lixo reciclável (inorgânico/seco), através da coleta porta a porta. O titular da Semass, Jaques Eisenberger, acredita que a ampliação da coleta seletiva representará um grande benefício ao município. Conforme o secretário, Santa Cruz do Sul, por sua relevância econômica e social, precisa avançar no recolhimento e destinação do lixo reciclável. Para Eisenberger, a ampliação do serviço servirá como motivação àqueles que já adotam a prática mas ainda não tem a coleta em sua rua e dará oportunidade às pessoas das áreas ainda não atendidas também darem a destinação correta ao seu lixo. “Trata-se de um ganho ambiental para a cidade e que melhora a qualidade de vida da população, diminuindo a quantidade de resíduos que vai para o aterro”, avaliou.

A expectativa é de que, com o serviço adicional, sejam recolhidos 3.653,16 t/ano de material reciclável e devidamente entregues à Coomcat, o que se reverterá em mais renda para a entidade e seus integrantes. O prazo de execução do contrato é de 12 meses, podendo ser renovado por iguais e sucessivos períodos.

O edital completo da licitação, assim como o projeto básico e demais documentos, podem ser conferidos em https://www.santacruz.rs.gov.br/licitacoes/, na seção Concorrências.
 


Foto: Divulgação
Prefeitura lançou licitação para a ampliação da coleta seletiva de lixo
Prefeitura lançou licitação para a ampliação da coleta seletiva de lixo