Profissionais da enfermagem recebem homenagem da Secretaria de Saúde em Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Santa Cruz do Sul
Publicado 12/05/2022 16:47
Atualizado 12/05/2022 16:52

Geral   INICIATIVA

Eles estiveram na linha de frente durante toda a pandemia, deram tudo de si, ajudaram a curar e salvaram muitas vidas. Nesta quinta-feira (12), Dia Internacional da Enfermagem, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), de Santa Cruz do Sul, prestou uma homenagem surpresa aos enfermeiros da Atenção Básica e da Atenção Especializada, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos.

A tarde especial teve momentos de autoconhecimento, consciência corporal e reconexão espiritual. Na primeira hora, os profissionais tiveram a oportunidade de acompanhar a explanação das terapeutas reencarnacionistas e mestras em Reike Geli Bringmann e Ceres Schulz. Elas falaram sobre a importância de uma conexão com a própria essência. “Foram eles (os enfermeiros) que absorveram tudo e que se colocaram em risco nesse período tão difícil para a humanidade. Então nossa fala foi no sentido de ajudá-los a olhar para quem está por trás do jaleco e a se reconectarem com o sentido do trabalho deles”, disse Geli. 

Após a palestra, uma das coordenadoras do Programa Saúde na Escola (PSE) no município, cirurgiã dentista Denise Henriqson, convidou os enfermeiros para participarem de uma dança circular, hoje conhecida como uma das muitas Práticas Integrativas e Complementares (PICs). A dança coletiva  tem como finalidade a integração do grupo e o fortalecimento de valores como empatia, compreensão e sentimento de pertencimento. Na sequência houve participação do músico Marcelo Beckenkamp e confraternização com cucas. 

Presente durante todo o evento, a secretária municipal de Saúde, Daniela Dumke, parabenizou os profissionais pelo empenho e dedicação diários. “Viemos de um período crítico e sabemos que não foi fácil. Hoje é um dia simbólico para o profissional da enfermagem, mas vocês merecem muito mais que somente um dia no calendário porque fazem a diferença na vida das pessoas. São vocês que cuidam da nossa população e a gente precisa cuidar de vocês”.


Foto: Guilherme Neuhaus / Divulgação
A tarde especial teve momentos de autoconhecimento, consciência corporal e reconexão espiritual
A tarde especial teve momentos de autoconhecimento, consciência corporal e reconexão espiritual