Jovem escritor vera-cruzense estreia com obra de suspense


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 09/01/2022 16:42
Atualizado 09/01/2022 16:42

Geral   TALENTO

Aventurar-se pelas histórias, conhecer a personalidade e as características dos personagens, visitar lugares com o poder da leitura e da imaginação. Não é a toa que desde os seis anos Gustavo Hintz vê na literatura um mundo fascinante. Seja com os livros da biblioteca da escola ou da estante em seu quarto - que hoje já conta com mais de 120 obras -, é na leitura que encontra um de seus hobbies prediletos, tanto que escrever sua própria história sempre foi um desejo presente. E não é que no final de 2021, aos 12 anos, o sonho se tornou realidade? O tão esperado livro, escrito por ele, chegava impresso em sua casa em Vera Cruz, no dia 28 de dezembro. 

Até a data, a caminhada não foi fácil, recordam ele e a mãe Elisângela Hintz, de 45 anos. Quando a pandemia da Covid-19 era uma recente realidade, o adolescente resolveu iniciar a escrita do próprio livro.  Pegou seu velho notebook, abriu uma ferramenta digital de escrita de  textos e começou a digitar fervorosamente toda a história que vinha matutando em sua cabeça. De imediato contou à mãe e às primas, que ficaram entusiasmadas, tanto quanto o jovem. “Então, resolvi enviar o livro para algumas editoras bem famosas do país. Um tempo depois uma delas me retornou e disse que minha história precisava ser melhorada. E foi o que eu fiz. Passei muito tempo relendo todo o livro e de 60 páginas foram parar em 120”, conta o adolescente que, desta vez pensou melhor e decidiu enviar o livro para editoras dispostas a trabalhar com escritores iniciantes - lá por março de 2021. 

Para a sua supresa, da mãe, além do pai Charles Hintz, de 47 anos, e do irmão Leonardo Hintz, de 15, a Editora Autografia, sediada no Rio de Janeiro, mostrou interesse na publicação. “Um dia recebi uma mensagem de alguém da Autografia dizendo que comprou a ideia do Gustavo. Apesar de empolgados, para nos certificarmos de que não se tratava de golpe, pedimos toda a documentação da editora, pesquisamos muito sobre ela e demos tudo para um advogado analisar. Para nossa alegria, realmente ela existia. Aí, escolhemos o pacote que melhor se encaixou pra nós e assinamos o contrato”, revela a mãe de Gustavo. 

NASCE O LIVRO DE SUSPENSE

Dali em diante, Gustavo se dedicou muito à correção e organização do livro, bem como à escolha da ilustração da capa - sugerida pela editora após o menino enviar referências e ideias sobre como gostaria que ela fosse -, finalizando todos os detalhes. Após esse processo, enfim o livro chegou em sua casa, do jeito que ele sempre sonhou. “O livro é do gênero suspense e se chama ‘Residência Bark’. Nele eu conto a história de um garoto chamado Chris, que morava na Flórida, mas se muda para o Canadá, deixando os amigos e a escola para trás. Então, começam a acontecer coisas estranhas na nova casa da família e ele passa a ter pesadelos e alucinações sobre um homem e acontecimentos relacionados ao passado da casa. O resto eu não posso contar, só lendo pra saber. Mas acredito que todos vão gostar, estou bem empolgado”, comemora o jovem.   

O primeiro livro de Gustavo já está a venda na papelaria e livraria Cia do Papel, em Vera Cruz, ao custo de R$ 45, e pode ser encontrado também através do site da Editora Autografia, por R$ 45,90. 

JOVEM PERSISTENTE

Gustavo conta que com a negativa de algumas editoras renomadas chegou a pensar em deixar o livro de lado, mantendo a escrita apenas como hobby. Contudo, ao perceber que essa poderia ser a sua chance, agarrou-a com toda a determinação e garra. “Ele poderia ter engavetado o livro na primeira negativa das editoras, mas ele usou isso de bengala para melhorar seu trabalho, sabendo colocar os pés no chão e, posteriormente, enviar seu livro para editoras que apoiam novos escritores. Todas as iniciativas, as pesquisas foi ele quem fez. Claro, nós o apoiamos, mas o trabalho duro foi todo dele”, enfatiza a mãe, orgulhosa. 

Gustavo ainda tem planos de colocar outras histórias nas páginas de um livro e não descarta, quem sabe, lançar uma nova edição de “Residência Bark”, desta vez com um capítulo bônus - já todo planejado por ele. 


Foto: Jornal Arauto / Taliana Hickmann
Obra conta a história de um garoto que se muda para uma casa misteriosa
Obra conta a história de um garoto que se muda para uma casa misteriosa