Santa-cruzense vai assumir operações de tabaco global da JTI na Suiça


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa
Publicado 07/12/2021 11:36
Atualizado 07/12/2021 11:43

Geral   LIDERANÇA

Após quatro anos comandando as operações de tabaco da JTI no País, o santa-cruzense (RS) Paulo Saath deixará o Brasil para liderar as operações de tabaco global na empresa a partir de abril de 2022, mudando-se para Genebra, na Suíça. Saath comandou a consolidação do posicionamento da JTI no mercado local, aumentando a confiança do setor e da própria JTI quanto ao volume e à qualidade de tabaco produzidos pela operação brasileira e, ainda, estreitando a relação de transparência e de diálogo com produtores e representantes da categoria.

Roberto Macedo, atual diretor de Agronomia, assumirá o cargo de líder das operações de tabaco no Brasil em fevereiro de 2022. Macedo possui longa história com a JTI, tendo ingressado na empresa como trainee em 2000. Em mais de 20 anos de carreira, atuou com êxito nas áreas de Processamento, Operações e Agronomia. Natural de Santa Cruz do Sul (RS), o executivo é formado em Engenharia de Produção pela UNISC e possui três MBAs: Gestão empresarial (FGV-RS), Empreendedorismo e Marketing (PUC-RS) e Agronegócio (FIA-SP).

“Hoje, cerca de 20% do tabaco que está nos produtos da JTI no mundo é aqui do Brasil. Temos obtido cada vez mais relevância no mercado nacional e internacional e isso se deve ao nosso compromisso com a evolução contínua, por meio de um crescimento ágil e sustentável, tendo o nosso produtor no centro da nossa estratégia e o desenvolvimento de nossas equipes como fatores críticos de sucesso. Buscaremos cada vez mais práticas sustentáveis para os nossos produtores e para a nossa cadeia produtiva, visando à manutenção do tabaco brasileiro em posições de destaque mundial”, adianta Macedo.

A operação de tabaco da JTI no Brasil está concentrada nos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. A sede fica em Santa Cruz do Sul (RS).

Sobre a JTI

A Japan Tobacco International (JTI) é uma empresa internacional líder em tabaco e cigarro eletrônico, com operações em mais de 130 países. É proprietária global de Winston, segunda marca mais vendida do mundo, e de Camel fora dos EUA. Outras marcas globais incluem Mevius e LD. Também um dos principais players no mercado internacional de cigarro eletrônico e tabaco aquecido com as marcas Logic e Ploom. Com sede em Genebra, na Suíça, emprega mais de 44 mil pessoas e foi premiada com o Global Top Employer por cinco anos consecutivos. A JTI é membro do Japan Tobacco Group of Companies. 

No Brasil, são mais de mil colaboradores em 10 Estados. A operação contempla a produção de tabaco – por meio de 11 mil produtores integrados no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná – compra, processamento e exportação de tabaco, fabricação, venda e distribuição de cigarros em mais de 20 Estados do Brasil. As marcas comercializadas são Winston, Natural American Spirit, Djarum, L.A e Camel, esta última também exportada para a Bolívia.

A JTI acredita na liberdade de escolha de seus consumidores, por isso, disponibiliza amplamente informações sobre as consequências
do tabagismo.


Foto: Divulgação
Paulo Saath assumirá cargo global na sede da Japan Tobacco International
Paulo Saath assumirá cargo global na sede da Japan Tobacco International

Foto: Divulgação
Roberto Macedo assume o cargo de líder das operações de tabaco no Brasil em fevereiro de 2022
Roberto Macedo assume o cargo de líder das operações de tabaco no Brasil em fevereiro de 2022