36ª Oktober de Santa Cruz do Sul terá presença do Tampinha Legal


Por: Portal Arauto
Publicado 09/10/2021 11:54
Atualizado 09/10/2021 12:01

Geral Cobertura Especial   NOVIDADE

Maior evento de tradição alemã no Rio Grande do Sul, a 36ª Oktober de Santa Cruz do Sul, terá a presença do Tampinha Legal, maior programa socioambiental de caráter educativo em economia circular de iniciativa da indústria de transformação do plástico da América Latina. Com o auxílio das empresas America Tampas e Xalingo, serão disponibilizados seis coletores de tampas nas duas praças de alimentação do local, além da mascote do programa e um banner interativo em formato de asas para que os visitantes do evento possam fazer fotos e publicar em suas mídias sociais.

A programação conta, ainda, com outro coletor especial para a separação de tampas por cor, que será utilizado em uma gincana do Dia da Criança no parque e servirá também como divulgação do Tampinha Legal, além de auxiliar nas explicações sobre a economia circular dos plásticos, bem como o descarte correto dos resíduos. As tampas serão cedidas pela America Tampas e tudo acontecerá seguindo protocolos de segurança.

A coordenadora do Instituto SustenPlást, Simara Souza, destaca a importância de grandes eventos terem a visão do caráter educativo da economia circular, minimizando o impacto ambiental causado pela sua atividade e ainda promovendo a solidariedade e o bem. "O Tampinha Legal busca participar de eventos com grande fluxo como a 36ª Oktober para que possamos promover de fato a mudança de comportamento de massa. Quando tratamos sobre sustentabilidade precisamos nos lembrar que o Triple Bottom Line deve ser atendido, ou seja, a sustentabilidade econômica, social e a ambiental", diz Simara. Ela explica que as tampas plásticas, em sua maioria, são produzidas em PP (polipropileno) e que, assim como todos os plásticos, são 100% recicláveis. Além de se transformarem em recursos financeiros para as entidades assistenciais do terceiro setor cadastradas junto ao programa e retornam para a indústria como insumos para novos artefatos como baldes e bacias, escovas e vassouras, vasos de flores, entre outros.

Tampinha Legal

O Tampinha Legal é uma iniciativa do Instituto SustenPlást com o apoio do Movimento Plástico Transforma. Através de ações modificadoras de comportamento de massa, conscientiza quanto ao destino adequado aos resíduos plásticos e faz com que a economia circular ocorra na prática.

Todos os segmentos da sociedade são convidados a juntar tampas plásticas e destiná-las para entidades assistenciais cadastradas junto ao programa que busca a melhor valorização de mercado para o material.

Os valores obtidos são destinados integralmente para as entidades assistenciais participantes sem rateios de material ou repasses de valores. O programa não recebe comissões e/ou gratificações sobre o material coletado. Em 2021 ultrapassou R$ 1,5 milhão de reais destinados 100% para entidades assistenciais participantes.

Recentemente, lançou no RS, o Copinho Legal que, seguindo o modelo do Tampinha Legal, destina os recursos obtidos com a venda dos descartáveis plásticos (copos, pratos e talheres) para as entidades assistenciais participantes. O Tampinha Legal atua no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais, São Paulo, Alagoas, Pernambuco, Goiás e no Distrito Federal.

Em Porto Alegre, o Tampinha Legal conta com o apoio estratégico da Fundação Gaúcha dos Bancos Sociais da FIERGS. Além do aplicativo (Android e iOS) e site (tampinhalegal.com.br), onde é possível localizar várias informações tais como os pontos de coleta mais próximos, entidades assistenciais e empresas participantes, etc. também é possível acompanhar o Tampinha Legal por redes sociais, como YouTube, Instagram e Facebook. (Texto: Assessoria de Imprensa Tampinha Legal)


Foto: Francisco Frantz/Divulgação/36ª Oktober
Coletores foram disponibilizados nas praças de alimentação do Parque
Coletores foram disponibilizados nas praças de alimentação do Parque