Agricultora realiza sonho de cantar


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 06/10/2021 18:00

Geral   INSPIRAÇÃO

Com 44 anos de idade, a agricultora Claudete dos Santos da Silva, moradora de Faxinal de Dentro, levava uma vida normal se dividindo entre os cuidados com a casa e os serviços na roça. Mesmo com a rotina exaustiva no interior, a agricultora nunca deixou de manter vivo o sonho de poder cantar e participar de um grupo de canto, o que ocorreu neste ano com o convite para integrar o Coral Municipal, após se destacar na oficina de canto para os alunos da Escola Afonso Martin Rohlfes, em Faxinal de Dentro.

Conforme  Claudete, foi após o filho trazer um bilhete da escola sobre o Projeto Vale em Arte, que o sonho de cantar começou a sair do papel. Interessada em participar, procurou mais informações e então começou a se reunir com os alunos na oficina, que ocorria nas sextas feiras, das 8h30min às 9h30min. “Eram momentos muito bons, pois o professor conseguia integrar todos nós, eram manhãs divertidas. Já gostava de cantar, inclusive cantava na igreja nos dias de missa. Sempre tive em mim essa vontade de entrar em um coral”, salienta.

Realização

Segundo o professor de canto e regente do Coral Municipal, Celso Pedro Sehnem, foi uma surpresa ter uma aluna adulta no meio da gurizada assim que se iniciaram as aulas. “A Claudete se mostrou muito tranquila e participativa, apesar da visível timidez. Logo percebi que ela tinha uma boa afinação, o que melhorou bastante após algumas aulas, sendo que já colocava ela como esteio de voz para os outros alunos”, frisa Sehnem, que revela ser  muito bonito ver a alegria de Claudete durante os ensaios.  “Todas as terças-feiras à noite, quando chega ao ensaio, a Claudete entra na sala com seu sorrisão. O exemplo da Claudete nos mostra que, com um mínimo de afinação e muita boa vontade, todos conseguem cantar, até mesmo em um coral”, destaca.

De acordo com o regente, a tranquilidade e o esforço da Claudete fizeram com que ela já pudesse se apresentar junto com o coral no encerramento do projeto Vale em Arte, em que o regente contou a história da agricultora, emocionando a todos que acompanhavam o evento.

Para Claudete, as palavras ditas por Sehnem e a noite de apresentação jamais serão esquecidas. “Estava com o meu coração saindo pela boca. Me surpreendi com as palavras do Celso e fiquei muito feliz por este reconhecimento. Sempre foi um sonho. Quando o Celso falou que eu poderia participar do coral, eu nem acreditei, porque fui pra cantar com as crianças no colégio. Estou muito feliz por essa oportunidade. Fui muito bem recebida pelos integrantes do coral”, revela.

Agora, o Coral Municipal e Claudete se preparam para as apresentações de fim de ano, que vão exigir  muitos ensaios para garantir boas apresentações nos eventos nos quais o coral participa anualmente.


Foto: Gabriel Fuelber/Jornal Arauto
Antes de se apresentar com o coral, Claudete cantou junto com os colegas de oficina
Antes de se apresentar com o coral, Claudete cantou junto com os colegas de oficina