Polícia Civil investiga possível represália a indivíduos que tiveram mãos fraturadas em Venâncio Aires


Por: Portal Arauto
Publicado 01/10/2021 15:52
Atualizado 01/10/2021 16:15

Polícia   POLÍCIA

A Polícia Civil investiga dois fatos ocorridos com poucas horas de diferença, entre a noite de quarta-feira (29) e a madrugada de quinta-feira (30), em Venâncio Aires. Os casos, que têm probabilidade de estarem aliados à tortura, deixaram dois indivíduos com fraturas nas mãos.

Conforme o delegado Vinícius Lourenço de Assunção, titular da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Venâncio Aires, uma das vítimas teve o dedo mínimo da mão direita amputado e três dedos com fratura exposta e, o outro, teve ferimentos por disparos de arma de fogo nas duas mãos e na panturrilha direita.

Ainda de acordo com o delegado, há hipótese de que os fatos estejam associados à tortura, em razão de um furto que teria sido executado em uma propriedade rural do município, supostamente cometido pelas vítimas. A Polícia Civil investiga os casos e busca identificar os suspeitos. O trio poderá responder pelos crimes de associação criminosa, lesões corporais e tortura.


Foto: Bruna Oliveira/Portal Arauto
Casos foram registrados entre a noite de quarta e a madrugada de quinta-feira
Casos foram registrados entre a noite de quarta e a madrugada de quinta-feira