Construções de três novos pedágios da RSC-287 devem começar até o fim do ano


Por: Portal Arauto
Fonte: Portal Arauto e Assessoria de Imprensa
Publicado 30/09/2021 08:53
Atualizado 30/09/2021 11:20

Geral   CONCESSÃO

Para avaliar os primeiros 30 dias  de concessão dos 204,5 quilômetros da rodovia RSC-287, entre Tabaí e Santa Maria, a Concessionária Rota de Santa Maria, do Grupo Sacyr, promoveu um encontro com a imprensa regional. 

Na oportunidade, o diretor-geral da Concessionária, Renato Bortoletti, apresentou um relatório das atividades no período, com destaque para os serviços de manutenção da rodovia, como operação tapa-buracos, limpeza de canaletas, roçadas manual e mecanizada e atendimentos. De acordo com ele, três pedágios estão previstos para serem construídos em Taquari, Santa Maria e Paraíso do Sul. A construção deve começar até o fim do ano e terminar no décimo segundo mês. 

Nas bases de pedágio em Venâncio Aires, Taquari e Candelária, segundo Bortoletti, há equipes de socorristas e guinchos para atenderem a população. "Essa distribuição das bases tem uma sugestão no contrato, mas reflete o estudo que há em relação aos acidentes e incêndios que ocorrem nas rodovias", comenta.  Ele ainda acrescenta que as praças de pedágios que existem prometem ser ampliadas e reformadas. 

SOBRE A CONCESSÃO

A Rota de Santa Maria assumiu a rodovia dia 30 de agosto, após publicação da súmula do Termo de Arrolamento e Transferência dos Bens no Diário Oficial do Estado. A Concessão contempla a rodovia RSC-287, no trecho entre Tabaí (km 28,03, no entroncamento com a BR-386/RS) e Santa Maria (km 232,54, no entroncamento com a ERS-509), totalizando 204,51 km de extensão. O Contrato de Concessão possui duração de 30 anos e prevê a duplicação de todo o trecho concedido, com investimentos da ordem de R$ 2,7 bilhões.

SERVIÇOS DE ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS

Neste primeiro mês de atividades, de acordo com os termos previstos em contrato, a Concessionária forneceu aos usuários serviço médico, mecânico e inspeção de tráfego no trecho entre Candelária a Venâncio Aires (km 66,15 ao 151,75), 24 horas por dia. Ao todo, foram 607 atendimentos, sendo os principais: 132 por pane mecânica, 62 por objetos na pista e 19 por pane seca. Já o Serviço de Atendimento por telefone (0800 1000 287) recebeu 635 ligações de 31 de agosto a 27 de setembro, das quais 41% eram pedidos de informações, 24% solicitações, 20% reclamações, 2% sugestões e 13% outros. Com relação aos acidentes, foram 29 no total, sendo 17 sem vítimas, oito com vítimas (nenhuma fatal) e quatro com danos.

Esses serviços serão ampliados para o trecho completo da Concessão, entre Tabaí e Santa Maria, em até 6 meses. Já a implantação do sistema de câmeras de monitoramento na rodovia deve ocorrer até o 24º mês da Concessão, cobrindo 100% do trecho via Centro de Controle Operacional da Concessionária (situado em Santa Cruz do Sul). Também serão implantados dois postos de pesagem de caminhões, em locais a serem definidos, até o 3º ano.

INVESTIMENTOS

Durante a coletiva, a Concessionária anunciou que pretende realizar a ampliação e reforma das duas praças de pedágio, em Venâncio Aires e Candelária, em até 12 meses, como forma de melhorar o fluxo na rodovia, principalmente em momentos de pico, com a criação de pistas exclusivas.

O objetivo é substituir, gradativamente, todos os equipamentos, bem como promover a instalação de cabines de cobrança automáticas exclusivas. Neste sentido, a empresa orienta aos usuários a aquisição de Tags de passagem rápida (Sem Parar, ConectCar, Veloe, C6tag, Greenpass, MoveMais, entre outras) como forma de agilizar o atendimento.

 

 


Foto: Rafael Cunha/Grupo Arauto
Estão previstos postos de pedágio em Santa Maria, Paraíso do Sul e Taquari
Estão previstos postos de pedágio em Santa Maria, Paraíso do Sul e Taquari