Guarda Municipal será capacitada para atuar no trânsito de Santa Cruz a partir do ano que vem


Por: Portal Arauto
Publicado 02/10/2021 09:00

Geral   MAIS SEGURANÇA

A partir de 2022, o trânsito em Santa Cruz do Sul contará com um reforço em sua organização e prevenção de acidentes. Isso porque os 70 agentes da Guarda Municipal serão capacitados para atuar na Fiscalização de Trânsito, que atualmente conta com apenas 18 fiscais. Conforme o secretário de Segurança e Mobilidade Urbana de Santa Cruz do Sul, coronel Everton Oltramari, a Legislação Federal já permite essa inclusão, mas antes a Prefeitura quer treinar e qualificar os servidores para as novas funções. 

O objetivo, segundo o secretário, é que a atuação conjunta dos quase 90 profissionais ocorra a partir do próximo ano. "Vamos triplicar o número de agentes para organizar o trânsito na cidade. O papel deles não é somente multar, mas principalmente ordenar o trânsito e movimento de pedestres. É estar nas ruas orientando", destaca. De acordo com Oltramari, a iniciativa de complementar o trabalho da Fiscalização de Trânsito surgiu através da missão da Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana, que trabalha com os pilares da educação, engenharia e fiscalização. 

Afinal, conforme o secretário, organizar o trânsito é sempre um grande desafio, ainda mais em um município como Santa Cruz do Sul com taxa de motorização maior do que a média estadual. Enquanto em todo o Rio Grande do Sul há em torno de 62 veículos para 100 habitantes, Santa Cruz do Sul tem mais de 75 veículos para 100 habitantes. "Ou seja, a cada 10 pessoas, oito possuem carros. Há muitos veículos circulando pela cidade em termos proporcionais à população, o que gera mais engarrafamentos, poluição atmosférica, acidentes e, infelizmente, mortes", lamenta. Segundo Oltramari, nos últimos seis anos a população de Santa Cruz do Sul cresceu 1,5%, enquanto a frota de veículos aumentou 12%. 


Foto: Arquivo/Portal Arauto
Cerca de 70 agentes vão se juntar ao time da Fiscalização, que conta com apenas 18 profissionais
Cerca de 70 agentes vão se juntar ao time da Fiscalização, que conta com apenas 18 profissionais