Lista de medicamentos da Farmácia Municipal de Vera Cruz vai ser disponibilizada on-line


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 14/09/2021 19:55
Atualizado 15/09/2021 06:13

Geral   SAÚDE

Em menos de 90 dias, passará a ser disponibilizada no site oficial da Prefeitura de Vera Cruz a relação atualizada de medicações distribuídas gratuitamente junto à Farmácia Municipal aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) no município – conforme dispõe a Lei nº 5.270, sancionada em 2 de setembro pelo Executivo. A unidade é responsável pelo fornecimento de medicamentos controlados, bem como atende os Componentes Especializados, cujo encaminhamento e solicitação se dão através da Secretaria Estadual de Saúde. Quando o novo serviço estiver em funcionamento, será possível acessar com apenas alguns cliques - através do link https://veracruz.rs.gov.br/portal/secretarias-paginas/28/farmacia-municipal/ - a listagem de medicações com nomes genéricos e quantitativo disponível, além de verificar alterações de estoque, em razão da falta ou supressão dos insumos. 

Conforme o vereador Paulo Oliveira, o Paulão, que propôs o projeto de lei – aprovado pelo Legislativo em 30 de agosto -, a medida busca evitar que os pacientes que acessam o serviço voltem de mãos vazias para casa, quando as medicações estiverem em falta. “Principalmente os que são do interior do município, que muitas vezes pegam ônibus ou carona e gastam com transporte para ir até a Farmácia e, assim, precisam ter a certeza de que o medicamento está disponível”, explica o parlamentar.

IMPACTO NOS ATENDIMENTOS 

Além do benefício aos usuários, a divulgação on-line da listagem de medicamentos deve facilitar o fluxo de atendimentos junto à Farmácia Municipal, que chegou a 3.200 em agosto deste ano. Sendo assim, parte do volume das mais de 50 ligações diárias atendidas pelos funcionários, e que em sua maioria dizem respeito à checagem de medicações disponíveis, tende a diminuir. “As pessoas já têm essa preocupação de verificar se o medicamento está disponível, pois imagina vir até aqui, passar um bom tempo na fila e, quando for atendido, receber a notícia de que seu medicamento está em falta. E muitos dos usuários fazem essa checagem através do telefone, assim, as ligações nos demandam bastante tempo e às vezes os usuários até reclamam que a linha telefônica está sempre ocupada”, revela a farmacêutica responsável pelo espaço, Jamile Helena Marques. 

Segundo a profissional, a estratégia que passa a funcionar em algumas semanas já é utilizada em outros municípios, a exemplo de Santa Cruz do Sul. “Funciona muito bem em outras cidades e aqui também será dessa forma. Acreditamos ser um passo de grande valia, pois se os pacientes conseguirem acessar o site da Prefeitura, seja pelo computador ou celular, mesmo aqueles que têm dificuldades com as tecnologias, que poderão pedir ajuda de familiares e vizinhos, todos saem ganhando”, avalia a farmacêutica, ao citar que, devido ao grande volume de atendimentos diários, é inviável para os funcionários comunicar aos pacientes a chegada ou a falta de medicamentos mensalmente.


Foto: Jornal Arauto / Taliana Hickmann
Relação de medicações vai constar no site da Prefeitura
Relação de medicações vai constar no site da Prefeitura