Família pede ajuda para tratamento de bebê santa-cruzense diagnosticada com paralisia cerebral


Por: Portal Arauto
Publicado 05/09/2021 15:07
Atualizado 05/09/2021 15:13

Geral   VAMOS AJUDAR?

A família de Eduarda Santana Pereira, de 1 ano e 5 meses, precisa de ajuda para custear o tratamento da menina diagnosticada com uma série de doenças, dentre elas, a paralisia cerebral e atrofia no cérebro. Além de toda a medicação, a bebê santa-cruzense necessita ainda de acompanhamento semanal de profissionais como fonoaudióloga - para estimular a ingestão via oral e evitar problemas na fala - e fisioterapia via respiratória, para incentivar os movimentos do corpo. 

De acordo com a mãe Thais Santana Ferreira, Duda nasceu prematura com 33 semanas e, logo após, teve o diagnóstico de encefalopatia hipóxica- isquêmica, convulsão grau grave, anóxia, APLV (alergia a proteína do leite, principalmente a caseína e as proteínas do soro) DRGE (doença do refluxo gastroesofágico), faringomalácia, cíanose, intolerância à lactose e rigidez muscular.

Ainda, conforme Thais, a bebê usa sonda por ter problemas na deglutição de alimentos e, por isso, tem dificuldade para ganhar peso. Das cinco sessões de fisioterapia e das três de fono que Duda precisa, os pais tem condições de pagar apenas uma. Por isso, decidiram intensificar a campanha para arrecadar recursos em prol da menina. "Moramos de aluguel e só o pai da Duda trabalha, porque preciso cuidar dela. Mas não conseguimos nos manter com todos os gastos do tratamento. Pedimos muito a ajuda de todos e qualquer doação é bem-vida. Estamos de coração despedaçados por não poder fazer nada por ela", destaca.

Quem quiser ajudar, pode fazer a doação em valor por meio de PIX pela chave: 03079340043 - Thais Santana Ferreira ou por meio de depósito bancário no Sicredi:

Agência: 0156

Conta Poupança: 00045838-2 

CPF: 036.008.420-64 

Eduardo Faleiro Pereira


Foto: Divulgação
Eduarda Santana Pereira tem 1 ano e 5 meses
Eduarda Santana Pereira tem 1 ano e 5 meses