Tomate, carne e leite puxam alta da cesta básica em Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa
Publicado 06/07/2021 06:50
Atualizado 06/07/2021 08:24

Geral   ECONOMIA

A variação do custo da Cesta Básica Nacional em Santa Cruz do Sul foi de 0,921% no período de 04 de junho a 05 de julho de 2021, passando de R$ 513,09 para R$ 517,81. Dos 13 produtos pesquisados, cinco apresentaram redução e os demais oito produtos apresentaram elevação de preço. Com esta elevação de R$ 4,73 em relação a junho, a Cesta Básica alcança o maior custo da série histórica do seu levantamento de preços.

As maiores contribuições para esta elevação do custo da Cesta Básica Nacional foram da Carne Bovina (contribuição de 2,56%), do Tomate (contribuição de 1,20%) e do Leite Tipo C (contribuição de 0,32%). Contribuíram para frear esta elevação a Batata Inglesa (contribuição de – 1,45%), o Pão Francês (contribuição de – 1,36%) e a Banana (contribuição de – 0,55%).

Com este custo para a Cesta Nacional, um trabalhador de Santa Cruz do Sul que recebeu no início deste mês o Salário Mínimo, precisa trabalhar 103,564 horas para adquirir o conjunto de 13 produtos, ou 0,95 horas a mais que o verificado no mês de junho.

 


Foto: Pixabay/Divulgação
Dos 13 produtos pesquisados, cinco apresentaram redução e os demais oito produtos apresentaram elevação de preço
Dos 13 produtos pesquisados, cinco apresentaram redução e os demais oito produtos apresentaram elevação de preço