Homem suspeito de homicídio é preso pela Polícia Civil de Candelária


Por: Portal Arauto
Publicado 01/05/2021 12:55
Atualizado 01/05/2021 12:57

Polícia   INVESTIGAÇÃO

Um homem suspeito pela morte de Belmir Lovatto, de 65 anos, que aconteceu na rua Botucaraí, em Candelária, no último dia 26 de abril, foi preso na manhã deste sábado (1º) pela Polícia Civil de Candelária. A prisão foi realizada durante uma operação em que foram cumpridos um mandado de prisão temporária e dois mandados de busca e apreensão.

A prisão e um dos mandados foi realizada em uma residência no Bairro Marilene onde o homem, de 24 anos, suspeito de ser o executor do homicídio que vitimou Lovatto, foi preso. O outro mandado de busca e apreensão foi realizado no Bairro Rincão Comprido. Em ambos os locais foram apreendidos objetos para a investigação do crime. 

A ação da Polícia Civil teve, ainda, o apoio da Brigada Militar. O preso foi encaminhado ao presídio de Candelária e a Polícia Civil irá seguir com as investigações. 

*Com informações do Jornal Folha de Candelária***

O CRIME

O crime aconteceu na Rua Botucaraí, no Bairro Pôr-do-Sol, mesma via em que também foi registrado um homicídio no fim de março. Os disparos de arma de fogo de calibre .38 atingiram a cabeça da vítima e foram registrados em via pública.

De acordo com o comandante da Brigada Militar de Candelária, capitão Ricardo Mori, o homem morto, identificado como Belmir Lovatto, é suspeito de ter cometido um homicídio contra um vizinho na mesma rua no fim de março devido a uma desavença antiga. 


Foto: Polícia Civil/ Divulgação
Indivíduo preso na manhã deste sábado é suspeito de ter matado Belmir Lovatto no último dia 26 de abril em Candelária
Indivíduo preso na manhã deste sábado é suspeito de ter matado Belmir Lovatto no último dia 26 de abril em Candelária