Busca por chocolates supera expectativas


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 03/04/2021 12:00

Geral   PRESENTE NA PÁSCOA

A semana que antecede  a Páscoa é considerada o ponto alto do ano para as lojas que comercializam chocolates. Em 2021, mesmo havendo o agravamento da pandemia e consequente endurecimento das restrições ao longo do mês, foi possível observar um aumento na circulação de pessoas buscando nos estabelecimentos os produtos já tradicionais para presentear a criançada, os amigos e a família.

O CEO das lojas da Cacau Show em Santa Cruz do Sul, Eduardo Krainovic, afirma que foi nesta semana que se intensificaram as vendas, principalmente dos ovos de chocolate e das caixa-presente, em que os clientes podem montar da maneira que quiserem a sua caixa com os doces que mais acharem interessantes de presentear. Segundo o empresário, a reabertura neste período foi fundamental, pois a grande maioria dos consumidores ainda busca muito o atendimento presencial. “Os clientes querem ir na loja para poder ver o produto e ter a oportunidade de sentir sua consistência”, ressalta Krainovic, que comemora a recuperação das vendas, mesmo que ainda sejam insuficientes para diminuir os impactos causados pela pandemia.

Ainda em Santa Cruz, conforme o sócio-proprietário da Chocolates Brasil Cacau, Rafael de Souza Lau, a maioria dos itens de Páscoa já haviam sido vendidos até esta quinta-feira, dia 1º de abril. “A procura foi muito positiva e superou as nossas expectativas. A reabertura fez com houvesse uma crescente nas vendas, fazendo com que a loja ficasse quase zerada de estoque”, comemora.

Vera Cruz 

Em Vera Cruz, um dos estabelecimentos que realiza a comercialização dos chocolates é o Lojão Utilar. Conforme o gerente da loja,  Teodoro Schneider, desde o início da semana a procura tem aumentado, situação que revela estar lhe chamando a atenção positivamente, tendo em vista a situação atual da pandemia no município e na região. “As vendas até o momento estão muito boas, chegando até a nos surpreender. Está havendo uma grande procura pelos produtos de Páscoa aqui na loja”, reforça o comerciante, que espera que o movimento na loja continue neste sábado, que será a última oportunidade de comprar os tradicionais chocolates antes do domingo de Páscoa.

Sindilojas

Conforme o presidente do Sindicato dos Lojistas do Vale do Rio Pardo (Sindilojas), Mauro Spode, as vendas para a Páscoa devem ser menores este ano em comparação com o ano passado. “A expectativa é  de que as vendas de Páscoa sejam menores em 2021 em relação ao mesmo período do ano passado. Isso se deve principalmente por conta da semana que antecede a data ser em um fim de mês, além de toda a questão da pandemia e suas incertezas envolvendo o salário e a estabilidade financeira, que faz o consumidor estar mais cauteloso nas compras”, ressalta Spode.

 


Foto: Gabriel Fuelber/Jornal Arauto
Procura pelos doces se intensificou durante a semana, deixando prateleiras quase vazias
Procura pelos doces se intensificou durante a semana, deixando prateleiras quase vazias