Vale do Rio Pardo terá que seguir regras de bandeira preta


Por: Portal Arauto
Publicado 25/02/2021 17:39
Atualizado 25/02/2021 19:08

Geral   DECISÃO

O governador Eduardo Leite anunciou a suspensão temporária do modelo de cogestão. A medida foi oficializada em reunião na tarde desta quinta-feira (25), com a Federação da Associação de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs). De acordo com Leite, as medidas entram em vigor no sábado (27) e seguirão ao menos por uma semana. Com a decisão, o Vale do Rio Pardo, que mesmo em bandeira preta conseguiu adotar protocolos de bandiera vermelha, agora vai ter que aumentar as restrições. "A minha decisão é pela suspensão da cogestão. Não tenho nenhum problema em assumir a responsabilidade. A decisão é minha", disse.

Além do Vale do Rio Pardo, outras 10 regiões gaúchas estão classificadas em bandeira preta. Um novo mapa será divulgado nesta sexta-feira (26), mas a tendência é de que o número de regiões com a classificação mais alta ainda aumente.

Prefeitos que participaram da reunião ficaram divididos no apoio à decisão. 

A decisão e outras medidas de controle da doença no Estado foram anunciadas também em live. Confira


Foto: Divulgação
Decisão foi anunciada pelo governador Eduardo Leite
Decisão foi anunciada pelo governador Eduardo Leite