Novo grupo começa a ser vacinado contra a Covid-19 nesta quarta-feira


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa
Publicado 02/02/2021 19:46
Atualizado 02/02/2021 19:48

Geral   IMUNIZAÇÃO

A partir desta quarta-feira (3) a campanha de vacinação contra a Covid-19 ingressa em uma nova fase. Profissionais que atuam em estabelecimentos privados, como consultórios, laboratórios e farmácias, poderão receber a primeira dose da vacina. A imunização para este público será centralizada em um único local, o Centro Materno Infantil (Cemai).

O atendimento será realizado de segunda a sexta-feira, das 8h ao meio dia e das 13h às 17h, com acesso pelo portão lateral, na Travessa Vereador Walter Kern, ao lado do Cisvale. Para receber a vacina será imprescindível comprovar o vínculo com o estabelecimento de saúde, seja pela apresentação de carteira de trabalho, contrato de serviço ou contracheque. Sem essa comprovação, a pessoa não poderá receber a dose. Também é fundamental levar consigo a carteira de vacinação e documento com CPF.

Conforme explica o coordenador do setor de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), enfermeiro Roger Rodrigues Peres, não há data para conclusão desta etapa. Portanto, ele pede que as pessoas tenham tranquilidade na hora de buscar a vacina, até mesmo para evitar filas e aglomerações. “A vacinação é um processo contínuo, estamos ingressando com um novo grupo agora, mas isso não significa que para os anteriores tenha encerrado. Quem pertence aos demais grupos para os quais a vacina já foi disponibilizada, mas por uma razão ou outra ainda não recebeu, com certeza terá a sua dose”, disse.

Roger faz questão de salientar o esforço do Município para que não faltem vacinas para os públicos prioritários. Hoje a Sesa dispõe de 1,2 mil doses e aguarda a chegada de novos lotes O montante inclui os dois tipos de imunizantes adquiridos pelo Ministério da Saúde, a Coronavac, parceria entre o laboratório Sinovac e o Buntanta, e a Covishield, parceria entre o laboratório AstraZeneca e a Fiocruz.  “Até agora estamos dando conta de todos esses grupos, conforme recomendação do governo do Estado”, frisou.

Segundo ele, quem no momento da vacinação estava de férias ou ausente por um motivo ou outro, não perdeu a vez. Essa pessoa vai receber a vacina, por que embora um novo grupo esteja ingressando agora na campanha, a vacinação segue concomitante para todos os grupos anteriores. “O Estado não quer que se avance com risco de faltar doses para os grupos essenciais, por isso esse processo é permanente”, esclareceu.

Idosos acamados – Para que o Município possa se organizar com relação à logística para atendimento dos idosos acamados, a Sesa solicita que os responsáveis por essas pessoas entrem em contato com os postos de saúde, manifestando a vontade de receber a vacina contra a Covid-19.

Pessoas que não tem nenhum posto de saúde de referência devem entrar em contato com a Vigilância Sanitária. Em ambos os casos é preciso informar nome completo do idoso, número de CPF, endereço e telefone. É importante atentar para o fato de que não se trata de um agendamento, mas a secretaria precisa quantificar o número de idosos acamados para que possa se organizar com as equipes de vacinação, uma vez que muitos não são usuários do SUS, mas de planos privados de saúde.

Roger reforça que as restrições para a vacinação contra a Covid-19 são para mulheres que estejam amamentando, gestantes, puérperas, pacientes em tratamento com imunossupressor (quimioterápico, corticóides em alta dosagem etc), pessoas que tiveram Covid nos últimos 30 dias e pessoas que já tenham tido reação prévia a outras vacinas. Nesses casos é necessário ter respaldo médico, por meio de receita liberando o procedimento. Mais esclarecimentos a respeito da vacinação podem ser obtidos pelo telefone 3715 1546, da Vigilância Sanitária, ou ainda pelo endereço de e-mail imunizacoes@yahoo.com.br.


Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa
Imunização será centralizada no Centro Materno Infantil, no Centro de Santa Cruz do Sul
Imunização será centralizada no Centro Materno Infantil, no Centro de Santa Cruz do Sul