Sucesso além das quatro linhas


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 02/02/2021 20:00

Geral   ANALISTA DE DESEMPENHO

Não são apenas os jogadores que fazem parte da campanha de um time vencedor. Toda uma estrutura é necessária para que os resultados almejados se tornem realidade. Assim, cada vitória passa pelo envolvimento de várias pessoas dentro de um clube. 

Considerada uma função recente no mundo do futebol, o analista de desempenho atua auxiliando a comissão técnica com dados e informações, buscando maximizar o desempenho da equipe, além de obter informações sobre possíveis equipes adversárias. E se engana quem pensa que a profissão está apenas relacionada com equipes de primeira divisão com aporte financeiro milionário para investir nos times de futebol. Na região, a equipe do Futebol Clube Santa Cruz contou com os conhecimentos do analista de desempenho Vinicius Mathias Kanitz para chegar ao seu primeiro título nacional.

Início na base

Natural de Muçum, interior do Rio Grande do Sul, Vinicius trabalha na função da equipe profissional do Galo desde o início de 2019 e já vem se destacando. Anteriormente, o analista já atuava nas categorias de base desempenhando a mesma função. Conforme revela o analista, estar envolvido com o futebol é a realização de um sonho. ”É motivo de orgulho e alegria estar todos os dias trabalhando com o futebol podendo desfrutar de todos os sentimentos que o esporte proporciona”, afirma.

Segundo Vinicius, para exercer o cargo ainda não é necessário nenhum curso ou faculdade específico. No entanto, ele reforça que para se destacar, é necessário se qualificar. “Existem diversos cursos que capacitam e te fazem estar um passo à frente dos demais”, conta o analista, que cita as principais características que alguém deve ter para alcançar o sucesso na carreira. “É necessário ter uma boa leitura de jogo, ter facilidade em usar câmeras e computadores, ser proativo e ter noções técnicas e táticas do futebol”, ressalta.

Futuro

Os próximos passos na carreira ainda são uma incógnita. Contudo, Vinicius afirma que o ponto alto na função seria representar a seleção nacional. “Particularmente para mim o ápice seria ter a oportunidade de trabalhar na seleção brasileira”, vislumbra. Agora, o maior desejo do analista se reflete em uma maior estruturação da profissão no Brasil. “Espero que cada dia mais seja valorizada essa área e que todos entendam a importância que ela tem para o futebol”, afirma. Na família, Vinicius ainda conta com a irmã Michele Kanitz desempenhando a mesma função. Atualmente, ela trabalha na seleção equatoriana feminina de futebol.

 


Foto: Divulgação
Conquista do primeiro título nacional do  Galo contou com a participação de Vinicius
Conquista do primeiro título nacional do Galo contou com a participação de Vinicius