Valor da cesta Básica passa de R$ 500 e atinge maior preço da série histórica em Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa
Publicado 09/01/2021 07:00

Geral   ALIMENTOS

A variação do custo da Cesta Básica Nacional em Santa Cruz do Sul foi de 5,38% no período de 2 de dezembro de 2020 a 8 de janeiro de 2021, passando de R$ 477,34 para R$ 503,04. Dos 13 produtos pesquisados, apenas um apresentou redução (Leite tipo C), um praticamente estável (Batata Inglesa, com elevação de 0,01%) e os demais onze produtos apresentaram elevação de preço. Com esta elevação de R$ 25,70 em relação a dezembro de 2020, a Cesta Básica aumentou 19,005% no ano de 2020 e, no comparativo com o custo de janeiro de 2020, a elevação foi da ordem de R$ 80,33, alcançando o maior custo da série histórica do levantamento da Cesta Básica.

As maiores contribuições para esta elevação do custo da Cesta Básica Nacional foram da Carne Bovina (contribuição de 1,71%), da Banana (contribuição de 1,35%) e do Tomate (contribuição de 1,14%). Com este custo para a Cesta Nacional, um trabalhador de Santa Cruz do Sul que recebeu no início deste mês o salário mínimo, precisa trabalhar 105,905 horas para adquirir o conjunto de 13 produtos, ou seja, 5,41 horas a mais que no início de dezembro de 2020.

 


Foto: Divulgação/Agência Brasil
Elevação alcançou o maior custo da série histórica do levantamento
Elevação alcançou o maior custo da série histórica do levantamento