Foco é no descarte correto dos lixos eletrônicos


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 20/11/2020 11:00

Geral   EM VALE DO SOL

Não basta apenas informar sobre o descarte correto, é necessário envolver a população para que isso aconteça. Por isso, com a finalidade de promover o destino correto dos resíduos eletrônicos em desuso, a Prefeitura Municipal, por meio do Departamento de Meio Ambiente, realizou nesta quarta-feira, dia 18, uma ação de recolhimento desses materiais, como computadores, televisões, celulares, entre outros. O chamado lixo eletrônico.

O centro da cidade virou ponto de coleta. Desde cedo da manhã, muitas pessoas passaram em frente ao Executivo e depositaram os resíduos empoeirados guardados em casa. Eram teclados, micro-ondas, calculadoras, cafeteiras, televisores. Todos inutilizáveis. Pelo menos para os antigos donos.

Isso porque, segundo o proprietário da empresa responsável pela coleta e descarte, Farlei Astério Ertel, os equipamentos recolhidos e descartados corretamente têm a possibilidade de serem reinseridos no mercado e se transformarem em matéria-prima, retornando com uma nova utilidade. Farlei explica que os materiais passam por uma triagem com a separação dos objetos. “Separamos a matéria-prima como cobre, plástico, alumínio, ferro e placas. A partir disso, é feita a destinação”, destaca.

BOA PRÁTICA

Conforme a analista ambiental Graciela Pacheco, a atividade é de extrema importância para que haja o descarte correto de todo produto eletrônico que não é mais utilizado. “Esses equipamentos são feitos de metais pesados, são altamente tóxicos e grandes poluidores. Se for descartado de maneira inadequada, pode causar grandes problemas ambientais”, salienta.

Ao todo, nove metros cúbicos foram recolhidos. Em troca, os vale-solenses ganharam uma muda de árvore nativa. A estudante de veterinária, Amanda Rohlfes, e a avó, Lori, aproveitaram a ação para se desfazer de alguns “cacarecos”. “Descartamos televisão, impressora, máquina de café, telefones e outros itens que não usávamos mais”, conta. Amanda seguiu o exemplo da mãe e da tia e fez a sua parte. “Se esse lixo não for descartado corretamente, esses metais pesados podem ir parar em fontes de água ou lugares onde se produz alimentos”, frisa.


Foto: Caroline Moreira/Jornal Arauto
Amanda seguiu o exemplo da família e descartou alguns itens em desuso
Amanda seguiu o exemplo da família e descartou alguns itens em desuso

Foto: Caroline Moreira/Jornal Arauto
Mudas de árvores nativas foram entregues na troca
Mudas de árvores nativas foram entregues na troca