Veja quais obras a Corsan planeja em Santa Cruz


Por: Portal Arauto
Fonte: Jornal Arauto
Publicado 15/09/2020 09:50
Atualizado 15/09/2020 14:42

Geral   ESTRATÉGIAS EM CURSO

Com o objetivo de se adequar às regras do novo Marco Legal do Saneamento Básico, a Corsan tem trabalhado em estratégias para ampliar a capacidade de abastecimento e implantar iniciativas que contribuam para a universalização do esgotamento sanitário em Santa Cruz do Sul - e em outros municípios. O projeto de lei, sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro em julho deste ano, prevê universalizar o saneamento básico no país até 31 de dezembro 2033, atingindo cobertura de 99% para o fornecimento de água potável e de 90% para coleta e tratamento de esgoto. 

À reportagem do Nosso Jornal, a assessoria de comunicação da Corsan afirma que os investimentos previstos para o município estão alinhados à última revisão do Plano Municipal de Saneamento Básico. Entre os programas estratégicos  está o de redução de perdas – considerado um dos maiores desafios a curto prazo -, que vai demandar R$ 25 milhões em três anos e cujo contrato de eficiência operacional deve iniciar em outubro deste ano. “A estrutura hoje existente atende à demanda da cidade pelos próximos anos, mas, além disso, há outras melhorias desafiadoras como ampliação da capacidade de produção, melhora na distribuição com forte renovação de ativos e alcance da universalização de esgotamento sanitário na modalidade de separador absoluto agregada à solução individual”, informa. Para atender as demandas, a companhia frisa que tem buscado recursos, em especial, alternativas como parcerias público-privadas. 

NOVOS PLANOS

A Corsan pretende fechar 2020 com investimento de mais de R$ 15 milhões em obras e melhorias no sistema de abastecimento de água do município (confira abaixo) – serviço que, conforme a companhia, atende 100% da área urbana. Já até 2023, em termos de abastecimento de água planeja uma nova estação de tratamento – a ser licitada ainda em 2020 -, a ampliação do sistema de abastecimento de Linha João Alves e Linha Santa Cruz, bem como a implantação de novo reservatório pulmão no Morro da Cruz, atendendo à região central com uma nova estação de bombeamento de água tratada. “Somando essas obras estruturantes ao programa de redução de perdas, que inicia em outubro de 2020 e tem duração de 36 meses, teremos uma revolução no sistema de abastecimento de água que hoje opera de forma satisfatória, mas necessita se adequar às novas exigências de eficiência e de crescimento da demanda”, pontua a comunicação da Corsan. 

Outras melhorias ainda devem ser realizadas a médio e longo prazo, tais como ampliação da adução de água bruta da barragem do Rio Pardinho para o Lago Dourado, nova captação de água bruta, novos reservatórios e programa continuado de substituição de redes e hidrômetros. 

Em termos de esgotamento sanitário, os investimentos previstos para 2020 em Santa Cruz do Sul chegam a R$ 200 milhões. Dentre as obras de esgoto serão contempladas as bacias da região central, que estão em fase de elaboração final de projeto executivo. 

OBRAS E MELHORIAS EM 2020

- Substituição de redes de água;
-  Investimentos de modernização no sistema de captação de água bruta, em preparação para futuras estiagens;
- Implantação de nova adutora de água bruta que permitirá maior adução de água para produção na atual planta da ETA;
- Implantação de novas adutoras de água tratada no bairro Pedreira e região do Santo Antônio, Esmeralda e Cambará;
- Entrega de novo reservatório de água tratada com tecnologia inovadora em aço vitrificado com volume de dois milhões de litros para o bairro Santo Antônio e arredores; além de entrega de nova subestação e nova estação de bombeamento dessa região, triplicando a capacidade de distribuição de água tratada;
- Conclusão da nova adutora de água tratada de 4,4 quilômetros do bairro Nova Linha Santa Cruz;
- Conclusão, em parceria com empreendedores, de reservatório na Linha Santa Cruz, com volume de um milhão de litros;
- Montagem de quatro poços artesianos.


Foto: Arquivo Jornal Arauto
Obras da Corsan em Santa Cruz devem somar R$ 215 milhões até o fim deste ano
Obras da Corsan em Santa Cruz devem somar R$ 215 milhões até o fim deste ano