JBS promove melhorias no Hospital de Sinimbu


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa
Publicado 29/08/2020 09:11
Atualizado 29/08/2020 09:17

Geral   SOLIDARIEDADE

A JBS realizou nesta semana a cerimônia de entrega das melhorias que estão sendo realizadas pela empresa no Hospital Beneficente de Sinimbu (RS). As obras de adequação, realizadas com recursos próprios do hospital, estão sendo feitas para receber os equipamentos doados pela empresa como parte do seu programa “Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”.

Por meio dos recursos empenhados pela Companhia, que totalizam mais de R$ 100 mil, a instituição receberá um elevador e equipamentos para aparelhar a cozinha: dois refrigeradores, fogão, coifa, mesa industrial, além de processador de alimentos, liquidificador e batedeira industriais. Também serão instalados um tampo com duas cubas, um novo forno de micro-ondas, cafeteira profissional, fatiadora de pão e um carrinho com capacidade para transportar até 20 bandejas.

Todos os itens vão compor a nova unidade de Serviço de Nutrição e Dietética do hospital e tornarão possível um serviço ainda mais qualificado para um grupo de 65 pessoas atendidas diariamente, além de ampliar a capacidade para que sejam servidas mais de 10 mil refeições por mês.

A JBS estruturou um programa dedicado a apoiar o país no enfrentamento à pandemia. E como empresa cidadã, as doações da JBS ao hospital deixarão um legado importante à população da região e estamos muito orgulhosos disso”, ressalta Renato Jackisch, diretor executivo de Negócio da JBS.

Sinimbu é um dos mais de 270 municípios que estão sendo beneficiados pelo programa no Brasil. No Rio Grande do Sul, a JBS fará a doação de R$ 21,7 milhões, sendo R$ 10 milhões para o Estado e R$ 11,7 milhões para 31 cidades gaúchas, beneficiando quase 3 milhões de pessoas.

“Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”

Os R$ 400 milhões que serão doados pela JBS contra a pandemia no Brasil serão aplicados nas três frentes de atuação do programa – saúde, assistência social e ciência. A estimativa é que mais de 76 milhões de pessoas sejam beneficiadas com as ações.

A alocação dos recursos considera um diagnóstico feito com sistemas de saúde municipais e estaduais e incluiu entrevistas e análise de dados. Essas informações foram avaliadas por especialistas dos três comitês independentes do programa da JBS nas áreas de saúde, social e ciência e que, com larga experiência em seus respectivos setores de atuação, apoiaram na definição das ações e projetos atendidos.

Saiba mais sobre o programa clicando aqui.


Foto: Divulgação
Registro da doação da empresa
Registro da doação da empresa