Venâncio Aires terá local para tratar cães e gatos recolhidos por maus-tratos


Por: Portal Arauto
Fonte: Assessoria de Imprensa
Publicado 01/08/2020 12:00
Atualizado 01/08/2020 12:18

Região   BEM ESTAR

Uma demanda de longa data e muito solicitada pelas entidades de defesa e bem-estar animal existentes em Venâncio Aires teve a solução apresentada nesta sexta-feira (31), em reunião no Gabinete do Executivo. Trata-se do Centro de Bem-Estar Animal, na antiga área da Favan, que será destinado aos cuidados de cães e gatos recolhidos seja por denúncias de maus tratos ou para um melhor controle de zoonoses junto aos órgãos responsáveis do Município.

Estiveram presentes na reunião o Prefeito Giovane Wickert, o Secretário de Segurança Pública e Coordenador da Defesa Civil, Dário Martins, a Fiscal de Meio Ambiente, Carin Gomes, o Coordenador da Vigilância Sanitária, Éverton Notti e pela Secretaria de Planejamento e Urbanismo, a Arquiteta Simone Becker e o Engenheiro Civil, Lucas Duarte. Pelas entidades de defesa e cuidados animais participaram a Presidente da Organização Não-Governamental Amigo Bicho, Naís de Andrade, acompanhada de voluntárias da ONG e da representante da ONG Patinhas do Amor, Elisabeth da Rosa. Na ocasião foram discutidos alguns pontos importantes, desta que é uma demanda que começou no início de 2000.

A estruturação do Centro de Bem-Estar Animal, nos 22 hectares de área na Favan – local que já abriga equinos recolhidos e resgatados em situações de risco e vulnerabilidade – contará com uma estrutura física de aproximadamente 85 metros quadrados para cuidar de cães e gatos recolhidos por denúncia de maus tratos, abandono e outras situações que visem à intervenção necessária do Município. A obra custará em torno de R$ 390.478,41 conforme orçamento prévio da Secretaria de Planejamento e Urbanismo. O recurso já está em conta – R$ 400.000,00 – e foi destinado por emenda parlamentar do Deputado Federal Heitor Schuch (PSB). A aprovação do projeto apresentado foi unânime e seguirá os trâmites legais para a formatação do edital de licitação e, seguidamente, a abertura de inscrições das empresas interessadas.

Castrações

Também na reunião foi apresentada mais uma etapa de castrações que serão realizadas nos próximos cinco meses. No total são mais R$ 25 mil destinados para a ação, cujo edital de credenciamento das clínicas deve ser lançado nos próximos dias.

Cadastro de Voluntários

A Secretaria de Meio Ambiente abrirá cadastro de voluntários que queiram integrar um grupo de voluntários para auxiliar nas demandas mais diretas do assunto, bem como, identificar da melhor forma as notificações e necessidades de castração, por exemplo. Mais informações podem ser obtidas na Secretaria através do telefone (51) 3983-1034, com a Fiscal de Meio Ambiente, Carin Gomes.

 


Foto: Divulgação


Foto: Divulgação


Foto: Leandro Osório/ AIPMVA