O que leva o Vale do Rio Pardo a novamente se preocupar com bandeira vermelha


Por: Portal Arauto
Publicado 24/07/2020 06:36
Atualizado 24/07/2020 08:44

COVID 19   DISTANCIAMENTO CONTROLADO

O aumento no número de casos positivos e os óbitos registrados por Covid-19 na região do Vale do Rio Pardo nesta semana, preocupa a 13ª Coordenadoria Regional da Saúde com a possibilidade de, pela terceira semana consecutiva, a região de Santa Cruz adentrar a bandeira vermelha no modelo de Distanciamento Controlado do Estado. A classificação preliminar será divulgada nesta sexta-feira (24).

De acordo com a coordenadora Mariluce Reis, apesar do índice de internações ter diminuído, as três mortes nos municipios que integram a região pesam para uma possível migração da bandeira laranja para a vermelha. "Estivemos reunidos na manhã de hoje juntamente com o Consórcio Intermunicipal do Vale do Rio Pardo (Cisvale), Associação dos Municípios do Vale do Rio Pardo (Amvarp) e o Dr. Marcelo Carneiro para avaliarmos nosso cenário atual. A situação desta semana é muito semelhante a que estávamos na semana passada, por isso o alerta", afirmou.

A possibilidade de mudança no modelo de Distanciamento Controlado foi debatida durante a semana, mas não deve entrar em vigor nesta sexta. A ideia do Governo, é dar a opção dos prefeitos escolherem se aceitam ou não as regras das bandeiras impostas.

LEIA MAIS: Rio Pardo registra nona morte por Covid-19

Moradora de Santa Cruz morre por coronavírus


Foto: Arquivo/Portal Arauto