Feed de Negócios

Sicredi VRP espera concluir obra da nova sede administrativa até o final do ano


Por: Portal Arauto
Publicado 14/07/2020 19:00
Atualizado 14/07/2020 19:34

Feed de Negócios   COOPERATIVISMO EM EVIDÊNCIA

Para marcar a história de 100 anos e simbolizar a representatividade da cooperativa na região, a Sicredi Vale do Rio Pardo decidiu investir em um terreno próprio para a construção de uma nova sede administrativa. Localizada no cruzamento da RSC-287 com a RSC-471, a estrutura imponente, que já pode ser visualizada por quem trafega pelos arredores, irá abrigar toda a diretoria executiva, assessorias, equipes técnicas, conselhos de administração e fiscal e todos os outros colaboradores que hoje atuam na estrutura locada na Avenida Independência. 

De acordo com o presidente da Sicredi, Heitor Álvaro Petry, a ideia de ter uma sede própria é resultado de uma construção coletiva dentro do grupo. “Não foi algo planejado há muito anos. Sempre havia esse desejo e em dois momentos nós estudamos possibilidades. Primeiro de reformar o prédio atual, mas vimos que seria inviável e seguiria não sendo nosso. Depois, queríamos recomprar o prédio histórico onde fica o Hotel Santa Cruz, mas acabamos não fechando negócio por vários fatores. E nesse meio tempo, surgiu a ideia da área escolhida. Após análise de vários aspectos, entendemos que esse era o momento e que aquele local é um ponto geograficamente positivo, com visibilidade ao público, de fácil acesso e possibilita conexão com todas as agências, além é claro das condições econômica e financeira. Por isso, fechamos negócio”, conta.

Na sede administrativa, construída no terreno de 6 mil metros quadrados, haverá a criação de um memorial no hall de entrada, para que os associados possam conhecer a história da cooperativa. No terceiro andar, será feita uma sala multifuncional, que servirá como um auditório para assembleias com os coordenadores de núcleos. “Vamos ter aqui um local para comportar eventos, algo que fazíamos em outros locais devido à falta de estrutura. Além disso, teremos um amplo espaço para estacionamentos e vamos fazer toda a pavimentação externa”, explica Márcio Algayer, diretor executivo da cooperativa. De acordo com Algayer, não há como precisar a entrega da obra devido ao cenário atual, mas a expectativa é que de esteja concluida até o final do ano.

Mesmo com o avanço das tecnologias, a Sicredi tem se emprenhado para acompanhar o mercado, implementando todas os meios possíveis para se modernizar. No entanto, o foco principal e o que a cooperativa acredita, é que o relacionamento pessoal ainda é a parte mais importante do negócio. “Nós mantemos nossas agências e o nosso pessoal, porque consideramos estrategicamente importante ter um local para se relacionar com o associado, que possa conhecer os colaboradores com quem ele interage e, mesmo que ele use todos os canais virtuais, continuamos focados que o relacionamento das pessoas ainda é o melhor. Até porque não somos um banco, somos uma organização a partir da junção das pessoas e esse é o nosso diferencial”, acrescenta Petry.

SUSTENTABILIDADE

Preocupados com a questão da sustentabilidade, a Sicredi Vale do Rio Pardo está trabalhando também em outro projeto que consiste na instalação de uma Usina Coletiva de Produção de Energia Fotovoltaica, para consumo de todas as agências. De acordo com Petry, embora  já definida, ainda é necessária a assinatura da área, que fica nas proximidades do Parque da Expoagro Afubra em Rincão Del Rey, Rio Pardo. A expectativa é de que o projeto saia do papel ainda antes da sede administrativa.