Com bandeira amarela, veja as mudanças no setor de alimentação e na indústria


Publicado em 23/05/2020 19:25 Atualizado em 23/05/2020 20:56 Geral   ALTERAÇÕES Fonte: Jornal Arauto

Os índices positivos da região quanto o assunto é Covid-19 fizeram com que Santa Cruz do Sul e entorno passassem da bandeira laranja para a amarela. O que isso significa, na prática? Que alguns serviços podem ser menos restritivos. Pelo modelo de distanciamento controlado, proposto pelo Governo do Estado, bandeira amarela é risco baixo, estando a região com alta capacidade do sistema de saúde e baixa propagação da doença. A informação da troca de bandeira foi divulgada na tarde deste sábado. As possíveis mudanças, porém, só valem para a região se publicadas nos decretos municipais.

Veja alguns pontos que mudam:
No ramo de alimentação, entre as mudanças possíveis está o aumento do número de trabalhadores nos restaurantes, passando de 50% para 75%. No entanto, o serviço self-service (buffet) segue proibido. Lancherias e padarias podem operar também com mais colaboradores.

Nos hóteis, pode ser permitida a ocupação de 60% dos quartos, a partir de agora. Na laranja eram 50%.

No setor industrial, a bandeira amarela permite que 100% dos trabalhadores atuem nas fumageiras, enquanto na laranja eram somente 75%. A mesma regra vale para o setor de vestuário.

Todas as mudanças podem ser conferidas no site do Governo do Estado ou clicando neste link

PortalArauto
(Foto Kethlin Meurer/Portal Arauto)