Quem era a policial morta atropelada por criminosos


Publicado em 25/11/2019 19:15 Atualizado em 26/11/2019 07:23 Polícia Cobertura Especial   GUERREIRA Fonte: Portal Arauto

Policial militar do Pelotão de Operações Especiais (POE) de Santa Cruz do Sul, Marciele Alves, 28 anos, foi morta atropelada por criminosos na tarde desta segunda-feira (25) no município de Sério. Marciele trabalhava em confronto com bandidos que roubaram três caminhonetes em Venâncio Aires entre sábado e esta segunda-feira. Além dela, três criminosos, autores dos roubos, morreram em confronto. Saiba mais clicando aqui. 

Marciele Renata dos Santos Alves residia atualmente em Santa Cruz do Sul, mas era natural de Cachoeira do Sul. Ela, que ingressou na Brigada Militar em 2012 no município de Taquari, era filha de um brigadiano. Além de policial militar, Marciele era estudante de Fisiologia na instituição de ensino Pós-Graduação em Ciências Biológicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

NOTAS

Na noite desta segunda-feira, a Brigada Militar divulgou nota lamentando o falecimento da policial. Confira:

"É com pesar que a Brigada Militar comunica o falecimento da soldado Marciele Renata dos Santos Alves. A soldado era natural de Cachoeira do Sul e atualmente servia na cidade de Sério onde faleceu em serviço durante ocorrência de roubo de veículo". 

 

 

PortalArauto
Marciele era natural de Cachoeira do Sul, mas residia em Santa Cruz do Sul (Foto: Reprodução)










Copyright © 2016 Portal Arauto - www.portalarauto.com.br CH New