Parte da executiva do PSL de Santa Cruz anuncia saída do partido


Publicado em 09/10/2019 10:40 Atualizado em 09/10/2019 15:24 Política   DECISÃO Fonte: Portal Arauto

Parte da executiva do Partido Social Liberal (PSL) de Santa Cruz do Sul anunciou que está deixando o partido. A decisão foi divulgada nesta terça-feira (8). Entre eles, está a ex-presidente da sigla no município, Idolezia Zimann. Os demais integrantes que deixam o partido são Júlio Arruda, Evanise Scarton e Rosemere Palagio. Todos atuaram na eleição de Jair Bolsonaro em apoio à candidatura do atual presidente. Recentemente, participaram do ato que selou apoio ao Governo Telmo.

O afastamento, conforme divulgado em nota, ocorre por não concordarem com convicções, ideologias e princípios do partido. No entanto, afirmam que continuarão a apostar no trabalho como ativistas políticos de direita em prol do Brasil. De acordo com o ex-tesoureiro, Julio Arruda, a desfiliação foi registrada no dia 3 de outubro. "Ocorre em função da nossa insatisfação pela desorganização da sigla em âmbito estadual e nacional. O próprio presidente Jair Bolsonaro já manifestou isso. A partir de agora, todos os nossos movimentos nas ruas seguirão apoiando as ideias do presidente, mas sem sigla, pelo menos por enquanto", disse. Questionado quando a futura sigla, Arruda destacou que o ex-integrantes do PSL já foram procurados por três partidos, mas ainda não definiram o seus respectivos rumos políticos.

Procurado pela reportagem do Portal Arauto, o presidente do PSL Santa Cruz, major Ivan Keller, disse que a decisão da saída partiu dos próprios integrantes e que tudo ocorre em função da divisão dentro do partido em apoiar ou não o atual governo municipal das eleições 2020. "São amigos, mas que preferiram tomar um outro caminho dentro da política. Ainda não temos uma definição da executiva estadual quanto ao apoio ou não ao prefeito Telmo na eleição, o que existe e foi acertado meses atrás é um apoio institucional ao atual mandato. Essas pessoas que saíram querem apoiar o governo no ano que vem e isso ainda não batemos o martelo. A ideia é seguir as diretrizes do nosso presidente e não fazer composição política", destacou Keller.

Confira a nota na íntegra dos ex-integrantes da executiva municipal:

"Em torno de vinte meses atrás começamos nossa luta por um Brasil melhor, mais justo, livre da corrupção e especialmente do comunismo. Alcançamos, em parte, nossos objetivos, quando com muito esforço e trabalho elegemos nosso presidente Jair Messias Bolsonaro. Em parte, pois para depurar um governo demanda de tempo. Logo veio o PSL, sigla do presidente e consequentemente a nossa, formamos então a executivas municipal provisória, da qual infelizmente por convicções, ideologias e princípios, decidimos nos afastar, pois nosso perfil e linha de conduta é e sempre será BOLSONARIANA e BRASILEIRA antes de qualquer sigla partidária. Contudo continuaremos nosso trabalho de Ativistas Políticos de Direita em prol do Brasil que sonhamos para nossos filhos e netos, e sempre apoiando as pautas do governo Bolsonaro".

PortalArauto
(Foto: Arquivo / Portal Arauto)










Copyright © 2016 Portal Arauto - www.portalarauto.com.br CH New