MP cobra explicações sobre diferença de preços de combustíveis entre Santa Cruz e Rio Pardo


Publicado em 10/08/2019 09:35 Atualizado em 10/08/2019 09:44 Região   DESPACHO Fonte: Portal Arauto

A diferença nos preços dos combustíveis entre estabelecimentos de Rio Pardo e Santa Cruz motivou um pedido de esclarecimento solicitado pelo Ministério Público de Santa Cruz aos proprietários dos postos do município. A diferença nos valores chega a até R$ 0,61 entre alguns estabelecimentos da cidade histórica e Santa Cruz.

Em despacho divulgado nessa sexta-feira (9), o promotor de Defesa Comunitária, Érico Barin, que os representantes das redes Nevoeiro, Sim e Shopping Car expliquem o porquê da diferença do preço da gasolina, tanto comum quanto aditivada entre os estabelecimentos situados em Rio Pardo (menores preços) e Santa Cruz do Sul (maiores preços). O prazo para respostas é de dez dias, preferencialmente já com informação de aplicação, em Santa Cruz do Sul, dos preços praticados em Rio Pardo. "Obviamente, isso é inexplicável, quiçá com indicativos de margens de lucro abusivas praticadas em Santa Cruz do Sul", diz o promotor em um trecho do despacho.

Os postos também deverão conforme documento fazer adequações — para menor , às margens de lucro aplicadas, tendo por base a tabela comparativa de preços de combustíveis, abrangendo os meses março a julho de 2019. O despacho do MP sugere patamar de preço médio aplicado em Novo Hamburgo, em julho de 2019 (R$ 4.262). O texto ainda mostra uma ampla pesquisa com postos de todo o Estado com o valor dos combustíveis comum e aditivado.

 

PortalArauto
(Foto: Arquivo / Portal Arauto)










Copyright © 2016 Portal Arauto - www.portalarauto.com.br DB New